Como plantar Ipê: em vaso, com sementes, mudas e muito mais!

Como plantar Ipê: em vaso, com sementes, mudas e muito mais!

Você conhece todas as variedades dos ipês? Veja aqui como cultivar uma das árvores mais populares e bonitas do Brasil, seus tipos e suas características!


Você sabe como plantar ipê?

Ipê branco em foco

O ipê é uma árvore muito chamativa e popular no Brasil, geralmente se encontra por todas as regiões, mas principalmente vista no sul. A sua floração é linda e vibrante, carregando um charme bem natural e deslumbrante. O seu tronco é particularmente fino e suas grandes variedades de cores à tornam ótima para plantar nos jardins e calçadas.

Suas flores costumam cair no outono e no inverno, formando um lindo tapete natural pelas ruas. O termo Ipê tem origem do tupi-guarani e representa “árvore de casca grossa”. É uma planta bem simples de cuidar e perfeita para uso paisagístico, especialmente em parques e nas cidades. Continue lendo para saber tudo sobre essa árvore tão popular.

Informações básicas do ipê

Ipê rosa e céu azul


Nome científicoHandroanthus albus
Nomes popularesIpê, Planta do Mel, Ipê-do-Cerrado, Ipeúva, Peúva, Piúna
Porte
20 a 30 metros
OrigemBrasil, América do Sul
FloraçãoInverno e Primavera
Ciclo de vidaPerene
Clima

Subtropical, Tropical


O nome científico dessa árvore é Handroanthus albus, mais conhecida como ipê, ipeúva e planta do mel no Brasil e na Argentina. Sua altura pode chegar até 30 metros de altura e dura por um longo tempo, especialmente nas regiões do pantanal e do cerrado. O clima ideal para essa planta é o Subtropical e o Tropical, já que a sua luminosidade é um sol mais pleno. 


Pertence à família Bignoniaceae, originada em nosso país e por toda a América do Sul, principalmente em regiões mais quentes, ipê é uma árvore perene que pode chegar a florescer durante o ano todo. Não deixe de conferir mais sobre a florada do ipê.

Como plantar ipê:

Ipê rosa com pássaro preto

O cultivo do ipê é bem fácil e não são necessários muitos cuidados, sendo possível plantar em vasos ou até mesmo nos quintais e jardins. Não importando o local, é um lindo espetáculo. Veremos a seguir todas as características dessa planta e o melhor modo para cultivá-la.

Saiba como germinar as sementes

Para iniciar o processo de germinar as sementes de ipê deixe-as em um pote de água por 48 horas, mas antes de mergulhar todas na água enrole as sementes em um papel toalha para que não afundem. Depois de 48 horas, seque as sementes. Use um recipiente ou vaso com furos para uma boa drenagem e coloque-as dentro com terra vegetal, esterco de gado e húmus de minhoca.

Plante as sementes de ipê e as cubra por pelo menos 2 centímetros de terra, a germinação dura em torno de 14 dias. Quando a planta chegar em no mínimo 20 cm de altura, já pode ser transportada para a terra firme.

Como plantar em terra firme

Plantar o ipê em solo firme vai precisar respeitar certos procedimentos que são muito necessários para cultiva-lo da melhor forma. Para começar, deve preparar a terra com adubo químico, fazendo uma cova de no mínimo 5 cm e cobrindo com terra. Logo depois, regue o solo e deixa-a úmida, caso a muda do ipê for pequena escolha planta-la nas épocas mais chuvosas.

Sua irrigação precisa ser feita entre 7 e 15 dias, rigorosamente respeitando esses termos. Para plantar mudas maiores de 1 metro e meio, divida pelo menos 10 quilos de terra que serão retirados do solo onde a plantação será realizada. Misture com esterco de gado curtido, material orgânico e adubo NPK 4-14-8.

Caso for fazer mais de uma plantação, respeite ao menos 5 metros de distância entre as árvores. Uma parte essencial é a hora da irrigação, deve ser entre 9 horas da manhã e depois das 17 horas para que a planta absorva melhor a água.

Como plantar em vaso

Para plantar o ipê em um vaso é ideal que ele tenha ao menos 50 litros com furos na parte debaixo para a drenagem. No fundo do vaso coloque pedra brita ou restos de obra até preenche-lo, além disso, encha o recipiente com terra vegetal junto com o esterco de gado curtido.

Ponha a muda pronta e revista com a terra. Em seguida, regue o vaso até ficar bem úmido. É importante ressaltar que, caso prefira plantar as sementes direto no recipiente de 50 litros, respeite o período de geminação da planta para que ela possa começar a se desenvolver adequadamente.

Solo para cultivar ipê

O ipê não pode ser plantado em um solo onde o sol bate diretamente, ou em áreas muito frias, apesar de conseguir aguentar temperaturas mais baixas. É recomendado associar o cultivo com outros tipos de plantas, por exemplo, o jequitibá e o cedro. O ambiente mais adequado para essa árvore são locais baixos, com um solo úmido e profundo para uma boa drenagem.

As medidas de sua cova dependem muito do tamanho da sua muda, o mínimo apontado é de 20 x 20 x 20 centímetros. No entanto, as covas também podem ter 40 x 40 x 40 centímetros se as plantas são muito mais altas. Coloque um espaçamento de 3 x 3 metros entre as linhas. Já em alamedas ou em margens do caminho de estrada, a distância precisa aumentar para 5 x 5 metros.

Substrato ideal para sua ipê

O substrato costuma ser composto por uma mistura com diferentes proporções de areia, terra e raspas de madeira, na qual vai proporcionar boas condições físicas para que a planta se desenvolva adequadamente. O mais indicado para o ipê é um substrato formado por solo, areia e esterco caprino na proporção 1:1:2.

As mudas dessa planta costumam obter alturas maiores quando são cultivadas em substrato com uma mistura de 20% de composto de lixo doméstico + 80% de composto de poda das árvores, enquanto isso, o substrato comercial causou as menores alturas e diâmetros.

Melhor período para o plantio

Não existe uma melhor época para o plantio do ipê, sendo possível cultivá-lo o ano todo. A sua floração costuma acontecer no verão, mas há variações de épocas diferentes conforme a cor de suas flores. O ipê rosa se inicia em junho, o ipê amarelo floresce de julho a novembro e o ipê branco geralmente é no final de agosto. Esse último tipo, no entanto, dura por pouco tempo comparado com os outros.

Iluminação e temperatura ideais para o ipê

O ipê é uma planta nativa rústica que consegue se adaptar bem em diferentes regiões do Brasil. Gosta de sol e calor, por isso precisa ser cultivada em um lugar com uma boa existência de luz solar. Por essa razão, a irrigação deve ser feita sempre que a terra parecer que está seca.

Essa árvore também pode ser plantada em regiões mais frias, mas em alguns casos acaba reduzindo sua velocidade de crescimento. Em relação ao ipê rosa, amarelo e branco, preferem um sol mais pleno ou meia sombra.

Poda do ipê

A poda do ipê não necessita que seja regular, recomendado apenas para limpar e eliminar galhos secos e malformados ou folhas mortas. Por ser uma planta que derruba as suas folhas naturalmente durante o inverno, as flores só aparecem após a sua queda. Se caso a árvore perder as suas folhas fora de época, é possível que o seu ciclo comum seja interrompido fazendo com que ela não floresça no inverno.

No entanto, há também a possibilidade de cortar os galhos mais baixos para dar uma forma de arvoreta. Diante disso, deixe metade da altura da árvore com a copa e retire debaixo todos os galhos que saem do tronco principal.

O segredo para ramificação do ipê

O ipê tem uma ramificação simpódica, na qual compõe em uma série de gemas unificadas em apenas um corpo no eixo central. A copa é alta, arredondada e geralmente tem a forma de um guarda-chuva, mantendo uma folhagem com variações de cores bem comum.

A sua propagação é por sementes que podem ser retiradas de bagas secas da própria árvore quando a abertura natural é iniciada, método conhecido como deiscência. O segredo é semeá-las logo em seguida, já que perdem o poder germinativo muito rapidamente.

Doenças e pragas do ipê

Assim como todas as plantas, o ipê também sofre com doenças e pragas. A Oídio causa manchas brancas por todo o limbo das folhas, tornando-as cinza-prateada com uma aparência de mofo, dificultando a realização da fotossíntese. A Mancha de Dendrophoma provoca manchas com necrose em suas folhas, e com o tempo formam um Y por causa do crescimento por todas as nervuras das folhas.

Pestalosiose acaba sendo confundida com a doença de antracnose, já que costumam formar pequenas necroses circulares de cor parda-acidentada no limbo da folha. Galha-de-coroa é causada por uma bactéria chamada Agrobacterium tumefaciens e provoca tumores nos galhos e nas hastes. Se a infestação for muito grande as galhas chegam até 5 cm, ocasionando a morte das hastes florais.

A Queima por phaeoseptoria causa lesões no limbo das folhas de cor marrom-arroxeadas, evoluindo para pontos pretos e gerando necrose e desfolhamento. O Cancro de fusicocum forma várias necroses por todos os ramos e tronco, fazendo com que a área escureça na casca e no interior do tronco.

Tipos de ipê e seus significados

As flores do ipê são em forma de funil, produzindo florações em variadas cores, podendo ser amarelas, roxas, rosas e brancas. Geralmente, floresce no período de junho e novembro, iniciando pela cor roxa e rosa, em seguida vem o amarelo e o último é o branco, caindo pelo percurso de uma semana.

Veja abaixo sobre os diferentes tipos, cores e significados para enriquecer ainda mais todo o ambiente.

Ipê amarelo

Ipê amarelo

O ipê amarelo é muito comum nas regiões sudeste, sul e centro-oeste do Brasil, chegando a alcançar entre 6 a 14 metros de altura, e tronco de 30 a 50 cm. As flores amarelas geralmente florescem ao final de julho até setembro. Muito usada para paisagismo, é considerada uma das mais belas em relação as outras espécies.

Essa variação do ipê é considerada a árvore símbolo da nossa nação, pois quando ela floresce as flores amarelas caem no chão e se destacam na mata verde, assim como a bandeira brasileira. Além disso, essa árvore sempre está florida em 7 de setembro, o dia da independência do Brasil.

Ipê roxo

Ipê roxo

O ipê roxo geralmente é mais visto pelo nordeste e sudeste do país, possuindo de 10 a 20 metros de altura e com um tronco de 40 a 80 cm de diâmetro, sendo revestido por uma casca áspera e cinzenta. As suas flores roxas surgem durante julho e vão até setembro. É muito popular e usada para reflorestamentos, além de arborização de ruas e avenidas.

É muito comum confundirem com o ipê rosa, mas é fácil de diferenciá-los já que o roxo tem um porte mais frondoso e uma cor bem mais intensa.

Ipê rosa

Ipê rosa

O ipê rosa se encontra mais na região sul do país, do Mato Grosso do Sul até o Rio Grande do Sul, capaz de alcançar de 20 a 35 metros de altura, e seu tronco cilíndrico e ereto costuma ter 60 a 80 cm de diâmetro. As flores possuem tons de rosa e um pouco de roxo, por isso a facilidade da confusão, mas o seu tom é mais claro e às vezes possuem uma coloração esbranquiçada dentro de algumas folhas.

É a espécie mais comum para paisagismo no sul do Brasil, também recomendada para recuperar áreas degradadas.

Ipê branco

Ipê branco

O ipê branco é mais comum de se encontrar na região sudeste e centro-oeste, sendo raramente vista na caatinga do nordeste brasileiro, com uma média de 7 a 16 metros de altura e com um tronco de 40 a 50 cm de diâmetro. As suas flores brancas costumam florescer de agosto até outubro, mas duram muito pouco, às vezes encontrando alguns tons rosados entre elas. É uma espécie bem adaptável a terrenos secos e pedregosos.

Características e curiosidades do ipê

Ipê rosa visto de baixo

O ipê é uma árvore brasileira que possui certas características bem evidentes como tronco tortuoso, excelente durabilidade, ótima resistência contra pragas, raízes bem profundas, flores em formato de trompete e pétalas de cores bem variadas, além disso, é uma árvore bem densa e forte. Vamos conferir algumas curiosidades sobre a madeira dos ipês e os benefícios que essa planta nos oferece.

Madeira do ipê

Uma das principais características do ipê é a dureza de sua madeira, sendo tão densa que geralmente necessita ser perfurada para depois ser parafusada. Por causa disso, muita gente compara a sua resistência com a do aço. É um material muito resistente e também usado para estruturas pesadas de uma obra.

A madeira do ipê costuma ser usada em projetos que devem ter alta resistência e durabilidade, ideal para a estrutura de obras, ambientes externos e inclusive em objetos decorativos como pontes, vigas, pisos, escadas, esquadrias, móveis, instrumentos musicais e ente outros.

Além disso, é uma ótima opção para quem deseja ter um acabamento final deslumbrante. É uma das madeiras nobres mais densas no mercado, sendo muito procurada no exterior.

Propriedades medicinais dos ipês

O ipê é uma árvore que tem um composto conhecido como lepachou, que são propriedades antibactericidas e antivirais, combatendo fungos, inflamações e ajudando no controle de micro-organismos que são responsáveis por diversas doenças. O chá de ipê utiliza uma parte de seu tronco, a entrecasca.

No entanto, ela não deve ser retirada de qualquer árvore cultivada em ruas ou jardins, sendo facilmente encontrada em farmácias de manipulação.

O famoso ipê amarelo é muito popular para tratar anemia, infecção urinária, amigdalite, candidíase, bronquite, infecção de próstata, mioma e quisto nos ovários, facilitando a cicatrização de feridas externas e internas.

Em razão do seu funcionamento antitumoral, o ipê amarelo está sendo estudado para tratar o câncer, porém são necessários mais estudos para provar a sua segurança e eficácia, já que não deve ser consumido livremente pois costuma diminuir o efeito da quimioterapia.

Plante um ipê e dê mais vida ao seu ambiente!

Ipê amarelo no campo

Seja em vasos ou em jardins, o ipê é uma ótima opção de planta para cultivar, sendo bem fácil de cuidar e com uma longa duração para acompanhar. Além disso, suas diversas cores vibrantes vão dar mais vida ao ambiente e deixar o seu arredor cada vez mais extraordinário. Agora, aproveite as dicas e tenha o seu próprio ipê!

Autor deste artigo

Produtora Audiovisual, escritora e roteirista.

Últimos posts


Moto E20 é bom? Veja a ficha técnica, avaliações e muito mais!

Moto E20 é bom? Veja a ficha técnica, avaliações e muito mais!

Para saber mais sobre o Moto E20, confira no artigo de hoje as especificações técnicas, avaliações, vantagens, desvantagens e muito mais. Confira!


As 10 Melhores Cadeiras Ergonômicas de 2022: Thunder X3, Roxtor e mais!

As 10 Melhores Cadeiras Ergonômicas de 2022: Thunder X3, Roxtor e mais!

Precisando de uma cadeira ergonômica para o seu home office, mas não sabe qual comprar? Veja neste artigo as 10 melhores cadeiras de 2022 e como escolher a sua!


Linha Moto E é boa? Lista com os 8 melhores modelos de 2022!

Linha Moto E é boa? Lista com os 8 melhores modelos de 2022!

Em dúvida sobre qual aparelho Motorola adquirir? Neste artigo, apresentamos os 8 melhores modelos da Linha Moto E, como escolher o ideal e onde comprar!


As 10 Melhores Tintas a Óleo para Tela De 2022: Gato Preto, Lefranc & Bourgeois E Muito Mais!

As 10 Melhores Tintas a Óleo para Tela De 2022: Gato Preto, Lefranc & Bourgeois E Muito Mais!

Confira agora um ranking contendo as 10 melhores tintas a óleo para tela do mercado em 2022. Saiba também como escolher a melhor opção do produto para você!


Os 10 Melhores Guarda-sóis de 2022: Mor, Belfix e muito mais!

Os 10 Melhores Guarda-sóis de 2022: Mor, Belfix e muito mais!

Quer tomar sol com toda segurança? Veja neste artigo dicas de como escolher o guarda-sol ideal e um ranking com as 10 melhores opções do mercado!


Palavras do momento

Palavras-chave do momento no PortalVidaLivre


Perfume Treinos Alimentação Celulares