Vermiculita: o que é, para que serve, preço da expandida e mais!

Vermiculita: o que é, para que serve, preço da expandida e mais!

Descubra a seguir o que é Vermiculita, para que serve, valores e onde comprar para utilizar no seu jardim.


Vermiculita: melhorando a saúde da suas plantinhas

Garrafa com vermiculita

Qualquer pessoa que já trabalhou com uma mistura de solo para envasamento provavelmente notou aqueles pequenos "blocos" ou pedaços de ouro neles. Leves e arejadas, essas partículas são conhecidas como vermiculita, importante produto em paisagismo (e em muitas outras indústrias). Embora não custem muito, são altamente reverenciados por seus muitos benefícios.

A vermiculita melhora a saúde das suas plantas porque ajuda na retenção de água, aeração do solo e drenagem. É usado como único meio de cultivo em canteiros ou como componente de solo para vasos. Além disso, a mistura também é usada como um corretivo de solo para pisos de jardim.

Sobre a vermiculita

Descubra a seguir o que é a vermiculita, o seu preço no mercado, onde encontrar, um pouco sobre a sua composição e quais são as vantagens e desvantagens de utilizar a mistura no seu jardim.

O que é vermiculita?

A vermiculita nada mais é do que um mineral do grupo das micas, composta por silicatos de ferro ou magnésio. É um material com grande capacidade de retenção de água, que também tende a conter potássio, magnésio, cálcio e amônio, elementos necessários às plantas.

Na mão, é um material muito leve e, além disso, possui boas propriedades como isolante térmico. Também é conhecido por sua capacidade de expansão, já que quando atinge certas temperaturas, multiplica seu volume entre 8 e 20 vezes, fenômeno raro de se observar nos minerais.

Para que serve a vermiculita

Este material é frequentemente utilizado como isolante acústico e térmico. No entanto, a vermiculita tem diversos usos na jardinagem. Como por exemplo, ao mesclar com fibra de coco ou turfa, é um ótimo substrato para as plantas, especialmente se adicionado minhocas ou perlita. Por ser uma substância inerte, pode adicioná-la a qualquer substrato sem medo de causar contaminação.

Além disso, sua capacidade de retenção de água ajuda a absorver o excesso de umidade do solo e liberá-la gradativamente. Posteriormente, quando o substrato seca, torna-se um excelente regulador de umidade. Outro uso comum, é que pode ser adicionado a plantas que terão que ser transportadas em sacos ou contêineres fechados, já que sua capacidade de manter a umidade ajuda a planta a sofrer menos.

Preço e onde comprar a vermiculita

Os preços da vermiculita podem variar entre 10 e 60,00 reais a depender do quanto se compra da mistura. Ela é facilmente encontrada em lojas físicas que vendem produtos para jardinagem ou em lojas e e-commerce online.

Lojas como, Cobasi, Leroy Merlin, Petz e Mercado livre disponibilizam o produto para ser comprado fisicamente (com exceção do Mercado livre) e também de forma virtual.

O que é vermiculita expandida?

A vermiculita expandida tem propriedades que a tornam amplamente utilizada para muitos fins diferentes. Na construção, por exemplo, ela é usada para fazer gesso, isolamento e concreto leve usado para pisos e tetos. Além disso, ela é utilizada para aninhamento de répteis, já que mantém a temperatura do ambiente, na fabricação de automóveis e para embalagem que transporta e armazena líquidos perigosos.

Assim, a vermiculita é muito versátil e tem propriedades físico-químicas muito interessantes que a tornam realmente especial: é leve, não é combustível, é compressível, altamente absorvente, tem um pH neutro, é inerte e não reage aos ácidos exceto muito fortes.

Vantagens e desvantagens da vermiculita

Embora a vermiculita tenha algumas desvantagens, as suas vantagens superam as expectativas quando se trata de cuidados com o seu jardim. Entre as vantagens está a sua alta retenção de água, auxílio na germinação de sementes, alta capacidade de manter nutrientes, e também pode ser mesclada com outros elementos e é reutilizável, já que não se decompõe.

Já as desvantagens, se pudermos considerar que são compostos de carbonato e promovem reações alcalinas, podendo elevar o PH do solo, algumas plantas não suportam esse substrato já que não necessitam de umidade constante e é um mineral que pode se esgotar a qualquer momento. Assim, as desvantagens são pequenas perto das vantagens.

Composição da vermiculita

De natureza semelhante à perlita, a vermiculita é formada por intemperismo ou aquecimento da biotita. Sua fórmula química é (MgFe, Al) 3 (Al, Si) 4O10 (OH) 2 4H2O. Ela está dentro do grupo dos filossilicatos, que contêm altas proporções de mineral de silicato de alumínio e magnésio que se assemelha à mica na aparência. Na composição contêm quantidades menores de outros produtos químicos.

Após a extração, o mineral é separado de outros minerais e peneirado para classificá-lo em diferentes tamanhos de partículas. Como a perlita, esses diferentes tamanhos compreendem os diferentes graus de vermiculita: grande, média, fina e muito fina. Os tamanhos mais usados ​​são 0-2, 2-4 e 4-8 mm de diâmetro.

Uso da vermiculita no cultivo de plantas

Jovem manuseando vermiculita

Descubra a seguir como a vermiculita é utilizada para cultivar, extrair, e nutrir raízes que deixam a planta mais saudável para se desenvolver.

Por que usar a vermiculita na plantação?

A vermiculita é usada como meio de cultivo para a extração de sementes e o enraizamento devido à sua natureza estéril e sua capacidade de reter umidade sem promover o apodrecimento. Por isso, todas as plantas podem ser iniciadas usando o substrato como o único meio de cultivo. No entanto, algumas crescerão somente com vermiculita, outras preferirão outros tipos de meios de cultivo.

Algumas plantas de interior capazes de viver em um substrato de vermiculita pura podem ser pothos (aquelas que crescem onde você as joga), samambaias também requerem grande retenção de umidade, assim como o bambu e o filodendro.

Como usar a vermiculita na plantação

É como usar aqueles "sachês de sílica gel" que vêm em muitos produtos, como sapatos, eletrônicos, entre outros para absorver a umidade. A diferença é que a vermiculita é natural e não tóxica. Assim, por exemplo, um dos aspectos críticos de plantar grama do zero é manter as sementes úmidas enquanto germinam.

Utilize uma camada de vermiculita que pode ser espalhada junto com a semente no solo e então regue bem. O substrato ajuda a manter a água perto das sementes conforme elas brotam. É uma solução que funciona muito bem para gramados.

Use a vermiculita em sementes e mudas

As mudas das plantas, sobretudo as de plantas mais delicadas, precisam de uma terra que não seja muito dura e compacta. Ou seja, é preciso deixar a terra mais aerada para que as mudas se desenvolvam bem. É nesse ponto que a vemiculita entra, pois ela facilitará o processo e vai deixar sua terra muito mais solta e propícia para que as raízes das plantas cresçam com mais facilidade.

Portanto, ao plantar sementes e mudas, principalmente para hortaliças, é essencial colocar vermiculita. O substrato permitirá que essas plantas se desenvolvam muito bem nesses primeiros dias e semanas de vida, para depois darem frutos e crescerem de forma saudável.

Qual a diferença entre perlita e vermiculita?

A vermiculita é um substrato que possui uma alta capacidade de retenção de água e vai liberando esta umidade na medida que estiver seco. Isso ajuda a planta a se desenvolver, principalmente as que precisam de mais água, uma vez que a umidade fortalece suas raízes. Já a perlita é um tipo de vidro vulcânico, e que apesar de ter muita água em sua composição, ela apenas retém na superfície.

Por não prejudicar a manutenção da umidade, a perlita contribui ainda mais para que as raízes tenham aporte necessário de água e oxigênio. Portanto, a maior diferença entre os dois é que a perlita ajuda a aumentar a drenagem, enquanto a vermiculita aumenta a retenção de água.

Uso da vermiculita para armazenamento de bulbos

Quando desenterramos os bulbos no final do outono, temos que armazená-los em um local fresco e seco durante o inverno. Se a vermiculita retém água, não queremos colocá-la junto com os bulbos. A vermiculita vai absorver todo o excesso de umidade sem secar o bulbo até o próximo plantio.

Por isso, esse substrato é ideal para armazenar os bulbos, uma vez que condiciona a planta a um ambiente tão rico quanto o solo e se torna elementar nos cuidados com plantas tão delicadas.

Vermiculita pura ou misturada?

O substrato pode ser utilizado puro para germinação de sementes e produção de mudas, ou misturada com a terra para melhorar as propriedades do solo. Além disso, há plantas que podem viver apenas com ele e outras que precisam de outros itens para que consigam se desenvolver.

Por exemplo, há plantas que precisam da terra, como a grama e as que não precisam e se desenvolvem apenas com a Vermiculita como o bambu. Portanto, a vermiculita pode ajudar das duas formas, pura ou misturada, as duas opções são as que melhorem se aplicarem ao seu tipo de plantio.

Receita de substrato com vermiculita

Receita de vermiculita

Veja a seguir como produzir a sua vemiculita em casa, quais são os ingredientes necessários e qual é o passo a passo para isso.

Ingredientes

Uma das misturas mais utilizadas para grandes vasos em jardins urbanos ou ao ar livre é aquela composta principalmente de fibra de coco e peças vazadas de minhoca, as quais se adiciona vermiculita. A coisa boa é que ambos são materiais ecológicos e naturais. Assim, para fazer um substrato universal, os ingredientes devem ser: as proporções desses componentes em 55% de fibra de coco, 35% de carcaças de minhoca e 10% de vermiculita.


Processo de preparação

Se você comprar a fibra de coco em folhas, que é a forma mais comum de comercialização, é preciso lembrar que ela é muito compactada. Assim que você começar a adicionar água e separá-la com a ajuda de um ancinho ou outra ferramenta, você verá que ela se multiplica várias vezes, então comece a adicionar pouco a pouco a água.

Em seguida, acrescente as carcaças de minhoca, misturando bem com a fibra de coco e certificando-se de uniformizar e arejar o substrato. Uma vez que os dois componentes foram completamente misturados, você pode adicionar a vermiculita e também a perlita, se tiver. Espalhe-os sobre a camada superior do substrato e misture-os com as mãos nos primeiros centímetros do substrato.

Outros usos da vermiculita

Vermiculita

Descubra a seguir quais outros usos esse mineral tem, além do uso na jardinagem, como na limpeza da água, na fundição e na freagem e fricção.

Tratamento de água

Estudos demonstraram a capacidade da vermiculita tratada termicamente para remover óleos e ceras de água contaminada. Testado e comprovado, sabe-se que esse mineral consegue limpar a água de outros elementos contaminadores. Além disso, a vermiculita tem algumas capacidades interessantes de troca catiônica, sendo usada para retirar metais pesados que ​​podem estar poluindo águas pluviais.

Por isso, se trata de um elemento que através da capacidade de troca catiônica da vermiculita esfoliada (até 1000 miliequivalentes por kg) permite que ela seja usada em processos de purificação e tratamento da água.


Fundição

A vermiculita é utilizada para fabricar moldes para fundição de ferro e alumínio e até mesmo em lubrificante de junções para peças de automóveis. Isso se dá por conta de como os concentrados de vermiculita são empregados como cobertura de metais líquidos, pois devido ao calor liberado por esses metais.

Esse mineral também expande e atua como camada isolante, evitando perdas térmicas. Por fim, é recomendada especialmente para aços com baixo conteúdo de carbono.

Freagem e Fricção

A vermicutila é usada para fabricar lonas de freio e embreagem, juntas e vedações de borracha. Quando moído, transforma-se em pó que pode ser utilizado em tintas e vernizes automotivos. A indústria utiliza muito a vermiculita porque este mineral é formado pela superposição de finíssimas lamínulas, que submetido a altas temperaturas sofrem uma grande expansão. Assim, pode ser usado também em tintas e pneus na fabricação dos carros.

Veja também outros artigos relacionados à jardinagem

Neste artigo apresentamos diversas informações sobre a vermiculita e suas funções. Assim, não deixe de também dar uma olhada em nossos artigos sobre os melhores produtos para jardinagem. Confira abaixo!

As 10 melhores mangueiras de jardim de 2022: Flexzilla, Tramontina e muito mais!

https://portalvidalivre.com/articles/2088

Em busca de uma mangueira de jardim? Confira neste artigo as 10 melhores do mercado, juntamente com dicas de como escolher que vão auxiliar na sua compra!

Os 10 melhores kits de jardinagem de 2022: da Tramontina, NOLL e mais!

https://portalvidalivre.com/articles/1041

Pensando em comprar um kit de jardinagem e se aprimorar nessa atividade? Confira aqui os melhores modelos disponíveis no mercado e dicas de como escolher!

Os 10 Melhores Cortadores de Grama a Gasolina de 2022: Tramontina, TRAPP e muito mais!

https://portalvidalivre.com/articles/2681

Em busca do melhor cortador de grama? Aprenda a como escolher o melhor cortador de grama a gasolina e confira quais são as 10 melhores opções do mercado!

Utilize vermiculita em suas plantas!

Plantação com vermiculita

A vermiculita, ajuda a aerar o solo ao mesmo tempo em que retém água e nutrientes, que depois libera com o tempo. A vermiculita é, portanto, útil na semeadura e propagação. Também pode ser adicionado ao composto vegetal da casa. Assim, utilize este substrato para deixar o seu jardim saudável, com um melhor desenvolvimento e também misture ele com outros elementos.

Não existe substrato perfeito, mas a mistura de diferentes compostos com propriedades complementares pode nos levar a chegar a esse substrato em perfeitas condições físico-químicas e biológicas. Por exemplo, se precisa equilibrar a drenagem e a retenção de água, uma mistura da perlita com a vermiculita fornecerá um ponto médio muito adequado para muitas safras.

O mundo da jardinagem está sempre evoluindo e a maneira como adaptamos nossas práticas à medida que crescemos pode render benefícios benefícios para nós e para o meio ambiente. Se você ainda não experimentou Vermiculita em sua horta orgânica, no seu jardim ou nas suas flores, esta é a hora de tentar.

Autor deste artigo

Redatora de Jardinagem, Casa e decoração, Turismo e Cotidiano.

Últimos posts


Os 10 Melhores Clareadores de Virilha de 2024: Bioderma, Bloqmax e muito mais!

Os 10 Melhores Clareadores de Virilha de 2024: Bioderma, Bloqmax e muito mais!

Quer se livrar de vez das manchas escurecidas na região da virilha? Veja aqui dicas que te ajudarão a escolher o clareador ideal para você e as melhores opções!


Os 10 Melhores Cremes para o Rosto de 2024: noturno, anti-idade, hidratante e muito mais!

Os 10 Melhores Cremes para o Rosto de 2024: noturno, anti-idade, hidratante e muito mais!

Procura um creme mas não sabe por onde começar? Confira neste artigo os 10 melhores cremes do mercado, informações sobre os diferentes tipos e como escolher!


As 12 Melhores Vitaminas para Cabelo em 2024: Nature's Bounty, VitaminLife e mais!

As 12 Melhores Vitaminas para Cabelo em 2024: Nature's Bounty, VitaminLife e mais!

Vitaminas para cabelo são uma opção prática para manter os fios sempre saudáveis. Veja aqui como escolher a vitamina ideal para seu cabelo e as 12 melhores!


As 10 Melhores Panelas para Fogão de Indução de 2024: da Tramontina, Brinox e mais!

As 10 Melhores Panelas para Fogão de Indução de 2024: da Tramontina, Brinox e mais!

Você sabe como usar uma panela de indução? Veja neste artigo as principais características desse tipo de panela e quais são as 10 melhores do mercado de 2024!


Os 10 Melhores Shampoo Antiqueda de 2024: Phytoervas, Farmaervas e muito mais!

Os 10 Melhores Shampoo Antiqueda de 2024: Phytoervas, Farmaervas e muito mais!

A queda capilar é causada por vários fatores, mas com o shampoo ideal é possível resolver o problema. Veja qual é o melhor para você, os preços e onde comprar!


Palavras do momento

Palavras-chave do momento no PortalVidaLivre


DIY Cuidados automotivos Doces e sobremesas Celulares