Bokashi: o que é, do que é feito e muito mais sobre este adubo orgânico!

Bokashi: o que é, do que é feito e muito mais sobre este adubo orgânico!

Conheça o incrível adubo orgânico bokashi, veja dicas, receitas para criar o seu bokashi caseiro, como utilizá-lo e outras curiosidades.


Utilize o adubo Bokashi nas suas plantas!

Adubo bokashi

O adubo bokashi está ganhando os corações dos jardineiros, pois ele promete acabar de vez com os adubos industrializados e químicos que muitas vezes fazem mal às plantas. Bokashi One Mix é o nome de um composto orgânico implementado com microrganismos bons, que ajudam na decomposição do lixo orgânico fazendo com que ele se torne um adubo natural para as plantas.

Neste artigo, iremos falar detalhadamente sobre o que é o bokashi, como funciona, qual seus benefícios para as plantas, como utilizá-lo no jardim e mais algumas curiosidade. Vem conhecer o produto que é amigo das plantas e da natureza.

Entenda o que é o bokashi

Bokashi e lixo orgânico

Nos tópicos a seguir, falaremos sobre a composição do bokashi e onde comprá-lo, também abordaremos algumas características como: ação no solo, sua versão líquida e sua versão para animais. Confira!

O que é e do que é feito o bokashi?

O bokashi é uma mistura de farelos implantado com microrganismos bons que auxiliam no processo de fermentação e decomposição de materiais orgânicos descartados. Ele é vendido como uma maneira de ajudar as pessoas a se livrarem do lixo orgânico de um jeito inteligente e sem desperdícios, podendo reaproveitar esse lixo em adubo natural para plantas e melhorador de solo.

A base de sua composição é uma mistura de farelo de trigo, casca de arroz e serragem que foi pulverizada com um grupo de microrganismos bons que existem na natureza. Esses ingredientes secos na mistura são apenas uma fonte de alimento para os microrganismos que ficam dormentes quando secos, mas que são ativados novamente quando adicionados ao lixo orgânico.

Bokashi é um adubo orgânico

O bokashi é utilizado como acelerador no processo de decomposição de materiais orgânicos, ou seja, ele não é vendido como adubo, mas como ingrediente essencial para fabricar um adubo natural e orgânico. Muitas famílias juntam uma quantia considerável de lixo orgânico em suas casas, e muitas vezes esse lixo é simplesmente descartado, lotando nossos aterros sanitários.

Até algumas pessoas que possuem plantas em casa acabam descartando esses materiais por não saberem transformá-los em adubos. Por isso, o bokashi é prático e fácil de usar, basta juntar todos os seus lixos orgânicos e adicionar o farelo com os microrganismos, aí é só aproveitar um adubo natural e saldável para as plantas.

Bokashi é um adubo de liberação lenta

O bokashi é considerado um adubo de lenta liberação em sua forma sólida, isso porque os compostos orgânicos levam um tempo para se decomporem por completo, principalmente se forem grandes e duros, como ossos por exemplo.

Ele é ideal para pessoas que tem jardins com várias espécies diferentes e quer um adubo que comtemple todas, ao mesmo tempo em que poupa o trabalho de adubar uma de cada vez.

Animais e o bokashi

O bokashi também pode ser usado para fazer a decomposição das fezes de animais, em função de transformá-las em adubo. O nome do produto específico para animais é ensopet, ele vem com uma mistura de farelos, que se diferencia muito pouco do bokashi para plantas, juntamente com um recipiente para armazenar as fezes e um pegador, tudo para facilitar o processo.

Conheça o bokashi líquido

O bokashi líquido nada mais é do que um suco expelido pelos materiais orgânicos durante o processo de fermentação. No site você encontra o balde que é específico para extrair o líquido, pois ele possui dois compartimentos, o primeiro é furado para coar o líquido, e o segundo é o local onde fica armazenado o líquido.

No final deste segundo compartimento existe uma torneira onde você pode retirar o líquido para utilizar em suas plantas. Esse tipo de substrato é de rápida absorção e deve ser diluído com água, a medida é de 2 colheres de chá para cada 1 litro de água.

Onde comprar o bokashi

O bokashi pode ser facilmente encontrado no site https://www.bokashi.com.au/, que é o site próprio do produto. No site você vai encontrar uma aba de compra e ela te redirecionará para a finalização da aquisição do produto. Nessa página estão todos os produtos que a marca possui e seus respectivos preços, você pode escolher adquirir o kit com o farelo e o balde ou comprar cada item separadamente.

Inclusive o ensopet, produto que já comentamos anteriormente, também pode ser encontrado a venda nessa página. O produto é Australiano e não pode ser adquirido por pessoas que moram em outros países pelo site, porém eles também podem ser encontrados a venda pelo ebay do google.

Onde e como utilizar o adubo bokashi

Mulher utilizando bokashi

Nosso próximo assunto é sobre o modo de uso do bokashi, onde e como utilizar o produto. Será que ele pode ser utilizado como adubo para jardins? Ou mesmo para plantas cultivadas em casa? Confira tudo isso e mais a seguir!

Usando bokashi no solo

O bokashi não só pode ser utilizado no solo como é feito para esse fim. Quando utilizado como compostagem, os materiais orgânicos soltam os nutrientes na terra pelo processo de decomposição. Isso vai fazer com que o solo fique cheio de nutrientes bons para as plantas que vão sendo liberados lentamente.

O material orgânico deve ficar um longo período em processo de fermentação em um recipiente, apenas quando já tiver sido extraído todo o suco e o recipiente estiver completamente cheio, é que eles devem ser enterrados. A decomposição começa depois que os componentes vão para terra, antes disso, eles apenas fermentam.

Em quais plantas posso usar o bokashi?

Por ser um produto natural e auxiliar na fabricação de adubo orgânico, o bokashi é indicado para qualquer tipo de planta, pois não possui nenhum componente químico que possa vir a prejudicá-las, seja qual for a espécie. O único fator que você deve observar é o pH do solo, pois como é utilizado materiais orgânicos de todos os tipos, alguns alimentos podem alterar o pH, podendo deixá-lo mais ácido.

Porém as chances de isso acontecer são pequenas, já que por causa dos microrganismos o solo tende sempre a permanecer com um pH mais neutro, evitando danos nas plantas.

Bokashi na compostagem

O processo de compostagem para solo utilizando o bokashi funciona da seguinte maneira: os componentes orgânicos descartados ficam armazenados em um recipiente fazendo o processo de fermentação, que é acelerado pelos microrganismos presentes na mistura de farelos. Depois que esse material orgânico passa por esse longo processo já está pronto para ser enterrado no solo.

Cave um buraco com aproximadamente 20 a 25cm de profundidade e adicione o material, misturando com um pouco de solo. Em seguida, cubra-os completamente com terra e se maravilhe com os benefícios que ele trará às plantas.

Bokashi como biofertilizante

O bokashi pode ser utilizado como biofertilizante pelo fato de ser composto inteiramente com materiais orgânicos. Esse material pode vir do lixo da cozinha, por exemplo, ao invés de você apenas descartá-lo, experimente o utilizar como fertilizante.

Porém, mesmo com muitos benefícios, ele pode não conter alguns nutrientes essenciais NPK, ainda mais se for feito com alimentos aleatórios, sem escolher um tipo ideal. Mas isso pode ser facilmente reposto com substratos desses nutrientes.

Bokashi nas hortas orgânicas

O bokashi é ótimo para quem possui hortas orgânicas, já que ele é limpo de produtos químicos, tendo em sua composição somente microrganismos naturais que já vivem livremente na natureza. Nessas hortas é imprescindível que se mantenha a saúde dos alimentos sem ter que recorrer aos venenos industriais que são geralmente usados nos plantios de grande escala.

Esses agrotóxicos causam danos a nossa saúde favorecendo o aparecimento de múltiplas doenças. Por isso, o mercado de produtos orgânicos vem crescendo considerável mente ao longo dos anos, como uma opção de alimentação saudável e nutritiva.

Bokashi em canteiro

O bokashi pode ser utilizado também em canteiros de flores, e você não precisa necessariamente estragar o seu jardim fazendo um grande buraco para enterrar os alimentos fermentados. Uma maneira mais fácil é fazer uma pequena escavação nas laterais das flores, não muito próximo as raízes, e então, depositar o material.

Bokashi nos vasos

Nos vasos o princípio é o mesmo dos canteiros, uma pequena escavação nas laterais da planta já é o suficiente. Quando o material é enterrado ele ainda está um pouco ácido e pode levar de 7 a 10 dias para se neutralizar, por conta disso, evite colocá-lo em plantas novas que estão com as raízes enfraquecidas, pois isso pode queimá-las.

Bokashi em árvores e arbustos

A utilização do bokashi em árvore e arbustos é igualmente benéfica, mas o modo de uso é diferente. Primeiramente deve ser feito uma demarcação da área de projeção da copa para depois incorporar o bokashi na primeira camada de solo. Também pode ser utilizado superficialmente ao solo, desde que o composto seja coberto por cascas de pinus, palha ou fibra de coco, por exemplo.

A quantidade pode variar entre 300 e 600g por planta ou aplicação. Nas épocas de crescimento da planta, o uso do bokashi é bastante recomendado, já que seu efeito é 100% mais eficaz do que em outras épocas do ano.

Benefícios do adubo bokashi

Composto orgânico

Iremos agora para os benefícios do bokashi na jardinagem. Abordaremos temas como: vantagens para o solo e aplicação do bokashi líquido, se é fácil de usar e como usar em plantas internas ou externas. Vamos nessa?

Vantagens para o solo

As vantagens do bokashi no solo são: a recuperação e estímulo do desenvolvimento de microrganismos bons e dos animais típicos do solo como minhocas, por exemplo, também a estimulação da produção de substâncias bioéticas, como enzimas, que auxiliam no desenvolvimento das raízes.

Além disso, ele ainda previne a aparição de pragas e doenças, melhora a fertilização e as características físicas do solo, o deixando mais arejado e poroso e faz uma revitalização completa em solos degradados. Por último, e não menos importante, ajuda o meio ambiente, reciclando lixo orgânico e diminuindo a quantidade de dejetos descartados em nosso planeta.

O bokashi líquido é fácil de ser aplicado

O bokashi é muito fácil de ser aplicado e pode ser utilizado tanto em plantas como nos ralos da cozinha e banheiro. O suco é muito benéfico para as plantas e você pode introduzi-lo nas regas juntamente com água, como já ensinamos anteriormente.

Quando for regar as plantas com o suco deposite o líquido diretamente no solo, sem que ele entre em contato com ela, assim, os riscos de contaminação de doenças são diminuídos. Você também pode utilizar o suco nos ralos da cozinha, do banheiro, nos vasos sanitários e nos sistemas sépticos.

Isso ajudará a prevenir o acúmulo de algas e a controlar o odor, ainda auxiliar na limpeza dos cursos de água, pois as bactérias boas inibem as ruins.

Como fazer bokashi

Bokashi em pó e liquido

O bokashi pode ser feito em casa e você mesmo pode fazê-lo. Mostraremos como fazer um bokashi caseiro aeróbico e um bokashi anaeróbico, também falaremos sobre a diferença desses dois tipos de bokashi. Confira agora mais detalhes sobre esse temas!

Receita de bokashi aeróbico

A produção do bokashi aeróbico é feita com a presença de ar, o material deve ser deitado em fileiras, coberto para evitar a desidratação e revirado diariamente.

Os ingredientes que você irá precisar para essa receita são: 5kg de farelo de trigo ou arroz; 3,5kg de farelo de soja, algodão ou mamona; 1,5kg de palhas, cascas ou folhas secas; 300g de farinha de ossos; 150g de fosfato natural; 150g de pó de rocha; 300g de açúcar mascavo; 1 litro de Em ou Kefir ativado e água para umedecer.

Misture todos os ingredientes secos e vá adicionando a água e o fermento aos poucos. Depois, forme uma fileira com o material em local plano, e protegido do sol. Por fim, cubra com um saco de ráfia e regue um pouco todo dia para evitar a desidratação, ele estará pronto em uma semana.

Receita de bokashi anaeróbico

Diferente da receita anterior, o bokashi anaeróbico é feito na ausência de ar em embalagens bem fechadas. Os ingredientes necessários são: 4,5kg de farelo de arroz ou trigo; 1kg de torta de mamona ou algodão; 600g de farinha de ossos; 500g de cinzas; 500g de palha de arroz ou outros e 1 litro de EM ou kefir ativados.

Você pode realizar a receita em um balde de 10 litros com tampa. Forre a parte interna do balde com um saco para lixo forte de 30 litros e despeje a mistura dos ingredientes, já umedecida e perfeitamente homogeneizada dentro do saco, apertando bem, de forma que não fique nenhuma bolha de ar.

Feche o saco hermeticamente, cubra com farelo de arroz ou trigo até a altura da tampa e feche o balde. Armazene em local fresco, à sombra e não abra até que tenha se passado 21 dias.

Diferença entre o bokashi aeróbico e anaeróbico

Como já havíamos falado anteriormente, a maior diferença é que o bokashi aeróbico é feito com presença de ar e o bokashi anaeróbico é o oposto, sendo produzido em um ambiente fechado sem possibilidade de entrada de ar. No caso do bokashi anaeróbico, se ele tiver contato com o ar antes de 21 dias, ele pode estragar e você terá que fazer tudo de novo.

Outra diferença são as temperaturas e tempo que leva para ficar pronto, o bokashi aeróbico fica pronto em torno de 7 dias e pode chegar a 60ºC graus, enquanto o anaeróbico demora 21 dias e chega 40ºC graus apenas. Além disso, o aeróbico deve ser remexido e regado diariamente, diferente do anaeróbico que não deve ser mexido até ficar pronto.

Cuidados e curiosidades do bokashi

Bokashi

Em nosso último tema, falaremos sobre os cuidados que se deve ter ao produzir e armazenar um bokashi e suas curiosidades. Temas como: quando aplicar o bokashi, qual sua periodicidade, onde armazenar e como fazer um sache de bokashi serão tratado nos próximos tópicos. Confira!

Posso aplicar o bokashi em qualquer horário?

O melhor horário para se utilizar o bokashi no início da manhã ou final da tarde. Não é aconselhável a utilização no meio do dia, pois o sol está forte neste momento e os materiais orgânicos podem ressecar e não expelir muito bem os nutrientes. Nas plantas envasadas a melhor forma de implantar o bokashi é juntamente com o substrato, dessa forma, a planta pode ficar mais tempo sem precisar de fertilizante.

Qual a periodicidade que posso usar o bokashi?

O bokashi não é muito durável se estiver úmido, por isso é aconselhável que se desidrate a mistura ou compre já desidratada, de preferência embalado a vácuo. Se você fez sua mistura de bokashi em casa de forma aeróbica ou anaeróbica, utilize-a toda imediatamente após pronta, do contrário, a mistura pode estragar e apresentar cheiro podre, se estiver assim, não use.

O bokashi mesmo seco perde sua eficiência depois de 6 meses, sendo necessário comprar ou fazer uma nova mistura para um bom resultado.

Onde armazenar o bokashi?

O bokashi deve ser armazenado em recipientes bem vedados, pois a presença de ar pode diminuir seu tempo de periodicidade. Potes bem lacrados ou sacos herméticos que possam ser fechados a vácuo são perfeitos para manter o bokashi em perfeito estado por pelo menos 6 meses.

Evite deixar o produto ao alcance de animais e crianças, e principalmente, evite guardá-lo em locais que possam atrair roedores ou insetos como baratas, por exemplo.

Faça um sachê de bokashi

O sache de bokashi é simples de fazer, você vai precisar de uma mistura de bokashi caseiro ou comprado e um tecido poroso em formato de saquinho. Coloque uma colher de sopa da mistura dentro do saquinho e o coloque dentro de um vaso de planta. Na hora de regar, despeje a água no saquinho para que os nutrientes passem do bokashi para a planta.

Utilize o bokashi e tenha plantas mais saudáveis!

Lixo orgânico e bokashi

O bokashi é uma opção perfeita para você se livrar daquele lixo de forma criativa e saudável para as plantas. Você pode utilizá-lo sozinho ou misturá-lo com substratos, principalmente em plantas envasadas. Espalhe essas dicas incríveis que você aprendeu aqui, nosso planeta agradece e as plantinhas também.

Não esqueça de utilizar bem o suco de bokashi que é uma fonte riquíssima de nutrientes bons e pode ser utilizado em qualquer planta. Espero que tenha gostado de nossas dicas e não deixe de ver outros artigos em nosso site, até a próxima.

Autor deste artigo

Escrever é se comunicar pelas palavras, é dar informação a quem precisa, por isso amo o que faço. Gosto de fazer um pouco de tudo e estou sempre atrás de novos hobbies, todas as atividades feitas ao ar livre e em contato com a natureza ajudam a revigorar nossa alma e a trazer um bem estar. Por isso embarque nessa jornada cheia de dicas práticas comigo, para você levar uma vida tranquila e sem apuros.

Últimos posts


Os 10 Melhores Monitores 75Hz de 2022: LG, AOC e muito mais!

Os 10 Melhores Monitores 75Hz de 2022: LG, AOC e muito mais!

Em busca do melhor monitor 75 Hz? Confira neste artigo dicas de como escolher o ideal para você, além de um ranking com os 10 melhores produtos de 2022!


Os 10 Melhores Celulares para Jogar Free Fire de 2022: Xiaomi, Realme e muito mais!

Os 10 Melhores Celulares para Jogar Free Fire de 2022: Xiaomi, Realme e muito mais!

Pensando em como escolher o melhor celular para jogar free fire? Acompanhe as dicas de escolha e o ranking com os 10 melhores produtos da categoria a seguir.


As 15 Melhores Smart TVS de 2022: da LG, Samsung e mais!

As 15 Melhores Smart TVS de 2022: da LG, Samsung e mais!

Procurando a melhor Smart TV para comprar? Veja neste artigo os melhores modelos do mercado, como escolher a ideal e encontre a Smart que mais combine com você!


As 10 Melhores TVs de 55 polegadas de 2022: LG, Samsung e muito mais!

As 10 Melhores TVs de 55 polegadas de 2022: LG, Samsung e muito mais!

Quer curtir seus programas favoritos na telona? Neste artigo, apresentamos as 10 melhores TVs de 55 polegadas do mercado, como escolher e onde comprar!


As 10 Melhores Geladeiras com Bom Custo-Benefício de 2022: Brastemp, Panasonic e muito mais!

As 10 Melhores Geladeiras com Bom Custo-Benefício de 2022: Brastemp, Panasonic e muito mais!

Quer uma geladeira de qualidade que seja em conta? Aqui você encontra um ranking com as 10 melhores geladeiras com bom custo-benefício e aprende como escolher!


Palavras do momento

Palavras-chave do momento no PortalVidaLivre


Perfume Alimentação Saúde sexual Doces e sobremesas Sapatos