Parede com umidade: como pintar, resolver, prevenir e muito mais!

Parede com umidade: como pintar, resolver, prevenir e muito mais!

Você tem uma parede em casa que está com umidade precisando de reparo e pintura? Veja aqui as melhores dicas para retirar a umidade e pintar a sua parede!


Como pintar a parede com umidade?

Homem pintando parede com umidade

A umidade na parede é um problema nada estético para o ambiente da casa, além de poder trazer problemas de saúde e afetar o bem-estar dos moradores. Assim, em alguns casos ela é causada pela mudança climática ou até mesmo por problemas estruturais da casa, como vazamento de água e infiltração.

Neste artigo você vai encontrar formas básicas que você mesmo pode realizar para reparar os danos causado pela umidade da parede e principalmente como pintá-la. Sim, é possível você pintar a parede mesmo estando neste estado. Segue abaixo os pontos importantes!

Como prevenir uma parede com umidade

Parede branca com umidade aparente

Já sabemos que os motivos que podem causar a umidade em casa não são sempre do nosso controle. As vezes podem ser mudanças climáticas não esperadas, que acabam danificando estruturas, como nossas paredes. Mas, podemos antecipar alguns desses possíveis problemas. Portanto, abaixo separamos um manual completo de como prevenir a umidade na parede. Veja a seguir!

Umidade por intemperismo

A umidade por intemperismo é causada pela infiltração da água da chuva na fachada e no telhado da casa, quando o mesmo está com a calha entupida ou com a instalação malfeita. Para prevenir é necessário que a fachada apresente blocos de baixo potencial de movimentação interna, para evitar o surgimento de fissuras na estrutura.

Outro modo de prevenir é utilizar beirais, molduras e outros detalhes arquitetônicos que vão impedir a formação de lâminas de água na fachada. No caso de prédios é necessário realizar uma impermeabilização, com tintas especiais para isso.

Umidade por condensação

A umidade por condensação ocorre em ambientes internos da casa, como banheiros e cozinhas, e está ligada com a formação de vapor e ventilação inadequada nos ambientes. Assim causada geralmente por deficiência na dimensão e aberturas das esquadrias.

Para prevenir é interessante fazer o oposto da causa, ou seja, dimensionar as esquadrias de forma adequada que permita uma ventilação constante, evitando o excesso de vapor no ambiente, como portas e janelas espaçosas e abertas.

Umidade por capilaridade

A umidade por capilaridade ocorre quando a parede está ligada as vigas da fundação da casa em contato com o solo úmido, estabelecendo um caminho de entrada para a umidade pela força capilar exercida pelos poros da fundação da casa.

Logo, para prevenir é necessário isolar essa parede, retirar ela do contato com solo com o uso de drenos, como as britas. Também é possível utilizar a impermeabilização dos elementos de fundação, paredes e pilares que mantém contato direto com o solo.

Umidade por infiltração

A umidade por infiltração é ocasionada pelo contato direto da água, geralmente presente em construções que se encontram abaixo do nível do lençol freático, ou seja, subsolo. Para prevenir, usa-se um processo parecido para com a umidade por capilaridade: basta retirar o contato da parede com o solo úmido.

Assim, para isso é necessário utilizar as argamassas impermeabilizantes, removendo todo o revestimento da parede e aplicando-as diretamente no lado interno e externo.

Como resolver o problema da umidade na parede

Trabalhador ajustando problemas na parede

Sabemos que uma parede com umidade aparente acaba com qualquer expectativa positiva sobre algum lugar ou cômodo. É de fato um incômodo tremendo, mas que pode ser remediado, seguindo dicas preciosas. Veja a seguir as melhores dicas para retirar a umidade da parede!

Cloro e água sanitária

O cloro e a água sanitária são agentes potentes para limpeza da parede úmida. Eles são capazes de tirar o aspecto de bolor e mofo da parede e retirar qualquer vestígio de fungos que podem ter surgido devido a presença de água.

Assim, é indicado que utilize de um borrifador para jogar a água sanitária na parede afetada, espere alguns minutos, e, em seguida limpe bem o local. Após secar, você pode continuar com as próximas etapas de reparação.

Raspagem

A raspagem deve ser feita após a limpeza com o cloro. Ela serve para deixar o local livre de mofo. Assim, é importante lixar e raspar toda a região afetada, retirando a tinta da parede e o reboco, se o mesmo estiver afetado.

Assim, você vai garantir que o fungo foi completamente removido, mas lembre-se que, caso o problema seja muito grave, e você tenha muitas dúvidas, contate um profissional para te auxiliar e não ter problemas futuros.

Água e sabão

A água e o sabão são fundamentais para retirar os produtos previamente aplicados, como o cloro e a água sanitária, e os resquícios de bolor que ainda existirem. Logo, para isso, é recomendado utilizar de uma esponja macia e sabão neutro, esfregue com cuidado em toda a região afetada.

Após limpar, deixe a parede secar completamente para prosseguir com as etapas. Para acelerar o processo de secagem, é interessante utilizar um ventilador ou desumidificador de ar.

Impermeabilizante e massa corrida

O uso de impermeabilizante é fundamental para que a umidade não volte a penetrar na parede. São produtos facilmente encontrados nas casas de materiais para construção. Dessa forma, basta aplicar o produto na região duas vezes, lembrando de deixar secar bem entre uma aplicação e outra.

Após a aplicação, finalize o processo utilizando a massa corrida para dar o acabamento e deixar a parede bem lisa para você conseguir aplicar a tinta depois e voltar a ter a aparência de uma linda parede, sem mofo e sem umidade.

Dicas de como pintar a parede

Pessoa pintando uma parede azul

Agora que já aprendemos a retirar a umidade das paredes, já pensou em você mesmo pintá-las? Não? É muito simples! Veja abaixo dicas práticas, baratas e simples para você pintar a parede de sua casa!

Preste atenção na previsão do tempo

É importante prestar atenção na previsão do tempo para evitar que a umidade, como a chuva, interfira no processo de secagem da tinta. Assim, escolha um dia com uma temperatura mais quente, para ter uma secagem completa. Busque evitar também dias extremamente quentes, com umidade abaixo de 10%.

Forre o chão com papelão e lona

É importante forrar o chão com papelão ou lona na hora de pintar as paredes, para evitar que a tinta respingue no piso e seque, pois além de dificultar o trabalho de limpeza após finalizada, pode também acabar danificando o piso de sua casa. Não queremos resolver o problema da parede e criar outro com o piso!

Cubra rodapés, dobradiças e maçanetas

Uma dica infalível é cobrir os rodapés, dobradiças e maçanetas. Em cada local você vai utilizar um material diferente para cobrir e prevenir respingos e que a tinta grude nos respectivos locais. Para os rodapés, é indicado usar uma fita crepe grossa, comece pintando a parede do centro para baixo. Assim, o pincel, ao chegar no rodapé, não estará carregado, evitando molhar muito a fita.

Já para as dobradiças você vai utilizar um pouco de vaselina liquida, deixando-as oleosas e evitando que a tinta grude. Para as maçanetas, utilize de papel alumínio para cobri-las inteiras. Lembre-se também de remover tomadas e espelhos para não sujarem com a tinta.

Escolha bem os materiais

A escolha apropriada dos materiais é fundamental para a qualidade da pintura. Os dois principais utilizados são o rolo e pincel. Enquanto o rolo faz o trabalho maior e mais rápido, o pincel é utilizado para pintar as regiões que o rolo não alcança, como cantos, e fazer retoques em regiões que não ficaram perfeitas com o trabalho do rolo.

Também é indispensável a lata de tinta, lixa de parede, o papelão ou lona para cobrir o chão, fita crepe, escada e equipamentos de proteção para evitar o contato do olho e da mão diretamente com a tinta.

Técnica do "N" e "W"

As duas técnicas consistem basicamente na forma uniforme que você vai pintar a sua parede. Na técnica do "N" você inicia a pintura formando um "N" do chão até o teto, depois você vai voltar com o rolo cobrindo os espaços em branco.

Já na técnica do "W", você faz variados blocos começando com a letra em pé, tendo um ótimo controle da quantidade de tinta naquele pedaço, depois de cobrir o primeiro "W" você pode iniciar em outro canto da parede. Ambas as técnicas facilitam a pintura, ajudando para ser realizada em menor tempo. Mas lembre-se: é necessário passar mais de uma mão.

Misture tintas da mesma cor

Misturar as tintas da mesma cor é uma dica importantíssima para manter a tonalidade da parede uniforme, devido ao fato que tintas de lotes diferentes podem ter alteração de cor. Assim, para um aspecto estético e visual, isso seria um problema grave.

Então, caso você for usar mais de um galão, é recomendado misturar as tintas em um único recipiente para não ter diferença de tonalidade e manter uma padronização ao pintar as paredes.

Saiba como diminuir o cheiro de tinta

Para diminuir o cheiro de tinta do ambiente é possível utilizar de receitas caseiras com itens que todos temos em casa, como cortar rodelas de cebola e colocar um balde de água. Para quem não gosta do cheiro da cebola, é possível diluir 250ml de vinagre branco em 2 litros de água e deixar no espaço dentro de um balde.

"Corte" a pintura antes de retirar a fita de proteção

Essa técnica é utilizada para evitar que a tinta descasque ao retirar a fita crepe de proteção e assim estragar todo o trabalho que você se dedicou. Para realizar o "corte" é necessário um estilete e você vai literalmente "cortar" a parede.

Logo após o "corte", você vai retirar a fita de proteção calmamente, garantindo assim que ela saia ao ser puxada e deixando a parede totalmente intacta.

Utilize óleo de bebê para ajudar na limpeza

O óleo de bebê é um produto muito utilizado para realizar a limpeza após finalizar a pintura, principalmente se suas mãos e dedos ficaram muito sujos de tinta. Assim, basta você aplicar o óleo e esfregar uma mão na outra. Dessa forma, a tinta sairá com muita facilidade!

Evite que a tinta seque no pincel

É importante evitar que a tinta seque no pincel para não criar uma camada de crosta de tinta, que muitas vezes é um pouco chato para retirar. Se a pintura vai demorar um pouco mais do esperado, é recomendado que você guarde o pincel embrulhado em um plástico e armazenado na geladeira.

Assim, você evita de ficar lavando toda hora, evita que a tinta seque e pode continuar tranquilamente o trabalho posteriormente no horário que preferir.

Saiba calcular o quanto de tinta precisa

É importante aprender a calcular a quantidade de tinta que você irá utilizar. Hoje em dia, existem sites de fácil acesso que calculam para você a quantidade, basta preencher com informações da área a ser pintada e indicar a área das portas e janelas nas paredes.

Também tem a opção de realizar o cálculo sozinho: primeiro você vai tirar as medidas da altura e do comprimento da parede a ser pintada usando uma fita métrica, depois você vai multiplicar essas duas medidas que irá resultar na quantidade necessária em metros quadrados. Depois, só procurar a tinta que tenha rendimento igual ou maior ao seu resultado. Bem simples!

Resolva o problema da parede com umidade e saiba pintá-la!

Início de um processo de pintura de parede

Neste artigo, você acompanhou dicas infalíveis para acabar com os problemas da parede com umidade, com aquele aspecto de mofo que incomoda tanto os moradores pela má estética e mal cheiro. Após seguir os passos que citamos, você não terá mais dor de cabeça com isto e basta seguir para a renovação das paredes, com uma linda e nova pintura.

Não perca tempo e resolva essa parede da sua casa que você tenta esconder, estando ou não estando com umidade, você notou a facilidade de realizar sua própria, linda e nova pintura. Por fim, é importante ter cuidado os produtos usados, lembrando sempre de utilizar equipamentos de segurança na realização das etapas.

Autor deste artigo

Psicóloga, bailarina e amante da natureza. Tenho apreço em atividades ao ar livre e uma boa leitura.

Últimos posts


Os 16 Melhores Presentes para Amigo Secreto de 2022: Mochila, livros e muito mais!

Os 16 Melhores Presentes para Amigo Secreto de 2022: Mochila, livros e muito mais!

Quer surpreender com o melhor presente para amigo secreto? Veja neste artigo dicas de como escolher o ideal e um ranking com as 16 melhores opções do mercado!


As 10 Melhores Máquinas de Estampar Camisetas de 2022: Pelegrin, Sun Special e muito mais!

As 10 Melhores Máquinas de Estampar Camisetas de 2022: Pelegrin, Sun Special e muito mais!

Em dúvida sobre qual é a melhor máquina de estampar camisetas? Veja dicas de como escolher a máquina ideal e uma seleção com os 10 melhores modelos de 2022!


Os 10 Melhores Fones com Cancelamento de Ruído: Soundcore, JBL e mais!

Os 10 Melhores Fones com Cancelamento de Ruído: Soundcore, JBL e mais!

Procurando um fone com cancelamento de ruído? Confira nosso artigo com as melhores dicas de como escolher o seu e os 10 melhores modelos disponíveis!


Os 10 iPhones com Melhores Câmeras em 2022: iPhone 13 Pro, iPhone SE e mais!

Os 10 iPhones com Melhores Câmeras em 2022: iPhone 13 Pro, iPhone SE e mais!

Quer a qualidade Apple para registrar momentos incríveis? Neste artigo, apresentamos os 10 iPhones com melhores câmeras em 2022, como escolher e onde comprar!


Os 20 Melhores Notebooks de 2022: Samsung, Dell e mais!

Os 20 Melhores Notebooks de 2022: Samsung, Dell e mais!

Em dúvida sobre qual é o notebook ideal para o que você precisa? Veja os 20 melhores modelos de 2022 e dicas de como escolher a opção mais adequada ao seu uso!


Palavras do momento

Palavras-chave do momento no PortalVidaLivre


Perfume Alimentação Saúde sexual Treinos Sapatos