Primeiro carro: saiba como comprar seu seminovo, 0km e muito mais!

Primeiro carro: saiba como comprar seu seminovo, 0km e muito mais!

Carros são importantes na nossa vida. Nesse artigo você vai conhecer modelos de carros ideais para iniciantes, formas de pagamento e dicas de compra, confira!


Conheça os primeiros automóveis e as melhores opções para comprar seu primeiro carro!

A parte traseira de um carro e mais a frente a vista de um gramado

Muitos jovens têm o desejo de comprar seu primeiro carro, entretanto, com tantas opções no mercado, a escolha pode ser difícil. Além disso, o investimento não é pequeno e deve ser bem pensado e planejado, para que se gaste o mínimo o possível, de acordo com as vontades e necessidades de quem está planejando entrar no mundo dos automóveis.

Para sanar essas dúvidas, nosso portal preparou um artigo especial, que além de auxiliar o leitor que quer comprar seu carro, vai trazer informações interessantíssimas sobre o mercado automobilístico do Brasil, além de um guia para planejamento, economia e diversas indicações de modelos de carros, com a quilometragem zerada ou seminovos, e mais, vamos te ajudar a escolher como pagar esse investimento.

Ficou interessado? Confira no artigo abaixo as nossas melhores dicas!

Conheça os precursores dos carros que estão nas ruas hoje

Vista lateral de um carro

Para ter ideia de qual carro comprar, primeiro, é interessante conhecer um pouco mais sobre esse mercado, suas origens e sua história. Essa seção vai apresentar uma breve explicação da história da indústria automobilística e sua chegada no Brasil. Veja mais abaixo!

O primeiro carro movido à combustão

A criação da máquina a vapor na Europa, no ano de 1769, impulsionou a criação de uma carruagem que seguia o mesmo padrão, entretanto, o veículo criado era de difícil manejo, além de ser limitado e pesado. Para corrigir esse problema, 100 anos depois o motor a explosão, que utiliza gás como combustível foi criado, por Étienne Lenoir e Nikolaus Otto.

Algumas décadas mais tarde, o engenheiro alemão Karl Benz patenteou a máquina, que ainda era bem rústica, até o ponto em que ele se uniu com Gottlieb Daimler, para aperfeiçoar o primeiro carro de quatro rodas com motor de combustão interna, e assim se deu a criação da futura e famosa, Mercedes-Benz.

O primeiro carro movido à gasolina

O mérito de ter produzido o primeiro carro movido a gasolina do mundo se divide em algumas personalidades, as quais foram inventando, quase simultaneamente, diversos projetos semelhantes. Entretanto, a primeira patente é considerada a Benz Patent-Motorwagen, de Karl Benz, que data de janeiro de 1886.

Esse projeto foi apresentado como um automóvel de três rodas que continha um motor traseiro, de quatro tempos, com um cilindro de 956 cc. Mesmo sendo bem rústico, o modelo foi extremamente importante para a evolução e para a história dos carros, pois serviu de base para diversas criações futuras.

O primeiro carro que chegou ao Brasil

O primeiro carro que chegou no Brasil foi dirigido pelo irmão do ilustre Alberto Santos Dumont, Henrique Santos Dumont, e era um modelo Peugeot Type 3 Vis-a-Vis, que data do ano de 1891, o qual era conhecido na França como Peugeot Voiturette, e era muito parecido com uma charrete. O carro veio às nossas terras por intermédio do futuro pai da aviação.

Estava equipado com um motor fortíssimo para a época, do modelo Daimler, o qual se funcionava com a combustão de gasolina, contando com dois cilindros em V e 3,5 cc em potência máxima, fatores que permitiam o carro chegar até 18 km/h. É válido considerar que era um carro que acabava de sair do papel, sendo um importante precursor.

Evolução do mercado automobilístico no Brasil

O primeiro carro emplacado do Brasil foi dirigido por Francisco Matarazzo, em 1903, e 5 anos depois, em 1908, foi fundado o Automóvel Clube de São Paulo, uma organização que planejou a primeira corrida de carros da América do Sul. A produção nacional veio com o Ford Modelo T, em 1919, depois com a GM, em 1940.

Quando Juscelino Kubitschek assumiu a presidência, deu espaço à implantação da indústria automobilística em nossas terras, com diversos incentivos fiscais que impulsionaram a produção de carros e caminhões. Na década de 50, o Fusca e a Kombi eram modelos importados produzidos no Brasil, e a década de 60 foi marcada pela chegada dos carros esportivos. A partir disso, as empresas foram lançando seus carros aqui e competindo por lugar no mercado.

Como comprar seu primeiro carro

Carros estacionados e uma estrada de concreto

Agora que você já está informado sobre toda a história automobilística, principalmente aqui no Brasil, chegou a hora de aprender um pouco mais os pontos importantes na hora de pensar seu investimento e sua escolha de primeiro carro. Confira os tópicos abaixo!

Defina um valor limite para o veículo

É importante pensar no seu orçamento, antes de tudo. Não faz sentido pensar em comprar um carro que seja muito fora da realidade do seu patrimônio. Para pensar nesse valor limite, considere, além da sua verba, as condições do carro e suas necessidades. Pense que não vale a pena comprar um veículo muito caro, o qual você não pode bancar devidamente, somente por ostentação ou luxo.

Fazendo isso, você somente vai se endividar sem motivos. É recomendável gastar entre R$20.000, para carros usados ou seminovos, e até R$55.000, para carros novos e mais completos. Considere bem suas opções após ler a seção de recomendações do artigo.

Pesquise opções no mercado dentro do seu orçamento

Quanto menos dinheiro você tiver, mais barato terá de ser seu carro. Felizmente, há muitas marcas e modelos no mercado, que podem atender a todos os bolsos. Você pode considerar escolher um carro com motor mais fraco, ou um modelo mais antigo, e estes exemplos podem te atender perfeitamente, dependendo da sua necessidade.

Uma boa pesquisa é essencial para definir o carro para compra. Para isso, existem diversos sites para compra de novos ou seminovos, além de grupos de venda em redes sociais, onde você pode com certeza, encontrar a melhor opção.

Economize dinheiro e faça um planejamento

Economizar dinheiro é uma parte fundamental para a compra de um primeiro automóvel. Isso porque, normalmente, quem está à procura de um ainda não tem condições muito estáveis para gastos, e para isso, a economia e a sabedoria financeira são essenciais. Entretanto, você não precisa ser um gênio do dinheiro para conseguir economizar. Confira nossas dicas abaixo!

Faça um planejamento, pense em quanto você precisa economizar durante um período de tempo, e estabeleça metas para conseguir isso. Deixar alguns gastos de lado é um passo essencial para economizar e conseguir seu objetivo. É recomendável escrever ou anotar seus planos e o dinheiro que precisa para a aquisição, e praticar a economia mensalmente, sempre que possível.

Saiba quais são suas necessidades

Para comprar seu primeiro carro, o leitor deve ter em mente quais são exatamente suas necessidades. É importante deixar as necessidades acima das vontades e desejos de consumo. Principalmente porque comprar um carro muito caro sem precisar pode arruinar suas economias, te forçando a vendê-lo depois.

Pense, se você quer ter um carro para trabalho, é mais interessante adquirir um modelo mais confortável, com um motor mais potente e com mais acessórios. Caso seja contrário, e seu carro for usado somente para locomoção, é mais viável pensar em modelos de entrada ou intermediários, para não gastar muito dinheiro.

Entenda os custos que envolvem ter um carro

Infelizmente, comprar um carro envolve muitos outros custos, além de suas próprias parcelas (ou preço cheio, caso seja comprado à vista), e isso pode acarretar em um preço muito maior do que foi inicialmente pensado. Por isso, é recomendável analisar e calcular o quanto a compra vai trazer de custos adicionais.

Para começar, o seguro de carro costuma ser mais elevado para quem está começando a dirigir, além do primeiro emplacamento, no caso de carros novos. Considere também os custos administrativos e o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). Juntos, esses valores podem variar de 4% a 8% do valor inicial do seu primeiro carro. Então reserve uma quantia para cobrir esses custos.

Verifique a quilometragem

Com o comércio de carros usados ou seminovos crescendo nos últimos anos, os compradores devem sempre ficar atentos quanto a quilometragem do primeiro carro a ser comprado, se ele não for novo. Infelizmente, muitos vendedores adulteram a contagem de km corridos para valorizar o carro. Isso é crime, e trazemos algumas dicas para não cair nesse golpe.

Primeiramente, verifique o manual do carro com as revisões, e também as notas fiscais dos serviços que o carro passou. Se possível, adquira o histórico com base nas vistorias anteriores e, em último caso, procure um mecânico de confiança para fazer uma análise.

Busque por pontos que possam ter sofrido alterações

Na hora de comprar um carro novo, é interessante verificar o estado de desgaste do veículo, no caso de não ser novo. Verifique os bancos, o desgaste dos pneus e a textura do volante. Muitos carros são roubados no Brasil hoje, então se atente a peças do veículo que possam ter sido adulteradas ou trocadas.

Atente-se nos detalhes na pintura, verifique a placa, processo facilitado por aplicativos de celular. Por último, cheque os vidros e as peças, as quais se forem datadas e gastas, não condizente com o número do hodômetro, podem significar fraude.

Atenção às manutenções e revisões

Segundo o especialista em automóveis Luiz Vicente Figueira de Melo, formado na Universidade Presbiteriana Mackenzie Campinas, a revisão de um carro usado em concessionária ou mecânico de confiança deve ser o primeiro passo de quem está comprando um. Isso porque deve-se ficar muito atento ao estado do veículo, e se ele é páreo ao valor que está sendo pedido.

Verifique o desgaste das peças junto com o mecânico, a necessidade de trocar o óleo, o estado dos freios e amortecedores, inclusive as pastilhas e fluidos. Mesmo após verificar o carro no geral, é importante manter manutenções e vistorias preventivas de acordo com a quilometragem do carro.

Confira o motor e os pneus

É imprescindível verificar o motor de um carro seminovo, é muito interessante, ao comprar um carro novo, já fazer a troca completa de óleo, pois aquele que vendeu o carro dificilmente fez esse procedimento. Então, não economize nessa parte para evitar gastos maiores e dores de cabeça futuramente.

Sobre os pneus, é importante conferir o desgaste das peças para verificar o estado do seu primeiro carro. A borracha dos pneus, em alguns casos, parece estar perfeita por fora, entretanto, pode estar gasta por dentro, sendo válida a verificação completa. Não deixe de fazer o alinhamento, que deve ser feito a cada 10000km rodados.

Confira pendências financeiras e a documentação

Por último, mas não menos importante, verifique com atenção a documentação do veículo, pois toda parte burocrática é essencial para um bom negócio. Verifique, com o número da placa, se há alguma pendência financeira, multa ou alguma restrição que possa te dar algum problema. A autenticidade dos documentos deve ser estudada também, se for possível, com um profissional.

Verifique se você está portando todos os seus documentos necessários também, para realizar a compra, sendo recomendada uma visita ao site do Detran para mais informações.

Melhor modelo 0km para ser o primeiro carro

Caso você tenha um capital um pouco maior para investir no seu veículo, vale verificar a seção de carros zero. Eles se destacam por não terem rodado, portanto são novos. Confira os exemplos que a gente separou para você!

Chevrolet Onix

Esse modelo é uma ótima opção de primeiro carro, pois é um veículo que se destaca no número de vendas. Isso significa que ele tem qualidade, ainda mais possuindo inúmeras versões diferentes, que podem agradar os gostos de todos e caber em bolsos menores. Além disso, ele tem um consumo de gasolina mediano para econômico, o que influencia muito o seu custo-benefício.

A versão mais completa do carro se chama Premier Turbo, a qual garante acessórios diferenciais, como Wi-Fi, bancos de couro, alarme antifurto, controle eletrônico de estabilidade e indicador do nível de vida do óleo do carro. Lembrando que também possui versões de entrada, mais baratas, mas que são satisfatórias.

Renault Kwid

O compacto carro francês é uma ótima pedida por seu custo menos elevado. O Kwid possui quatro versões, Life, Zen, Intense e Outsider, cada uma possui mais acessórios que a outra, sendo que todas usam o mesmo motor 1.0 flex de 70 cv ou 66, dependendo do combustível, além do câmbio manual de 5 marchas.

O Kwid raramente raspa no chão quando passa por buracos e sobe elevações sem esforço, seus pneus finos enfrentam lama bem, porém têm pouca aderência para asfalto molhado, o que torna ele semelhante a uma SUV, porém sem toda robustez e conforto que deveria ter. É uma boa pedida para pessoas solteiras ou famílias pequenas, mas pode não suportar pessoas que precisam de mais conforto e espaço.

Hyundai HB20

Um dos modelos mais populares da Hyundai, o HB20 conta com um motor 1.0 turbo satisfatório, que possui 120 cv. Possui câmbio automático de 6 marchas e suspensão bem equilibrada, sendo um ótimo carro para fazer curvas. É uma boa opção para quem quer um primeiro carro, porém, é mais caro também.

Infelizmente, o HB20 tem alguns problemas. Alguns compradores relataram problemas quanto ao indicador de combustível no tanque, que às vezes estaria errado, ou reclamações quanto à pintura e acabamento frágeis. Ruídos elevados demais também foram relatados.

Volkswagen Gol

O Volkswagen Gol sempre foi um modelo muito destacado no mercado brasileiro, principalmente por ser um carro básico e barato. Sendo vendido em 3 versões, a mais básica possui motor 1.0, a intermediária com 1.6 manual e a última com 1.6 e câmbio automático. A mais básica possui câmbio manual de 5 marchas, 84 cv de potência com etanol e 75 cv com gasolina.

É um carro robusto e alto, que nunca raspa no chão. Consome em médio 13,3 km/l e possui um porta-malas mediano. É uma ótima opção para quem quer comprar o primeiro carro, pois mesmo não sendo muito confortável, possui ótimos números de potência.

Fiat Mobi

Nosso outro subcompacto da lista é o Fiat Mobi, um modelo hatch menor que se destaca pelo seu custo-benefício. Em sua versão mais básica, muitos adicionais fazem falta no carro, como ar-condicionado ou trio elétrico de série. Possuindo um motor Fire 1.0, os quatro cilindros rendem 75/73 cv de potência, sendo um pouco melhor que os propulsores antigos da Fiat.

Talvez, as versões mais completas, que contam com mais cavalos de potência são mais interessantes, além de contarem com mais acessórios, como rádio, vendido separadamente na versão mais básica. O Fiat Mobi é uma boa opção para quem quer um primeiro carro, e bate diretamente com o Renault Kwid, seu concorrente.

Melhor modelo seminovo para ser o primeiro carro

Para quem tem menos recursos, comprar carros novos pode ser inviável. E felizmente, temos ótimas opções no mercado de seminovos e usados, que podem atender as necessidades de qualquer um, e o melhor, opções de diferentes preços. Confira a sessão abaixo para escolher o seu!

Fiat Uno

O Fiat Uno é um carro que se manteve muito popular durante muito tempo na indústria automobilística do Brasil, sendo que, em 2011, foram vendidos 273.540 carros do modelo. Mesmo não sendo tão vendido mais, o Uno é um carro extremamente popular, com uma manutenção de fácil acesso, o que facilita sua compra, principalmente a de novos consumidores.

Ele também é econômico, sua versão 1.3, de 2017 faz 13km/l em trechos urbanos. Sendo o Uno um carro tão popular e convencional, é muito fácil achar exemplos seminovos em bom estado, e o carro é uma ótima pedida para aqueles que querem ter seu primeiro carro usado.

Chevrolet Onix

O Onix é, frequentemente, o carro mais emplacado do país a alguns anos. Entretanto, isso não significa que comprar um modelo usado ou seminovo seja um mau negócio. Pelo contrário, sua popularidade vem antes do seu nome, e esse carro possui um custo-benefício gigantesco, que atrai diversos compradores, principalmente os mais jovens.

Possui uma eficiência muito satisfatória, pois sua versão que conta com câmbio automático de 6 marchas e o propulsor novo conta com arrancadas excelentes. A família de motores CSS Prime do Onix faz uma ótima economia, conseguindo atingir 16km/l na cidade com gasolina, além dos seus equipamentos intuitivos. Todos esses fatores deixam o Onix seminovo como uma das melhores opções para se considerar.

Hyundai HB20

Para aqueles que desgostaram do modelo 21 do HB20, temos as ótimas opções dos anos anteriores. Isso porque o HB20 é um carro popular e confiável. Sua versão que conta com motor 1.6 aspirado não costuma dar problema, e satisfaz o consumidor em termos de consumo, potência e poder de arrancada.

É importante prestar atenção nas bobinas de ignição, que podem dar problema depois de 50 mil km rodados, necessitando a troca. É importante também fazer a troca do óleo, quando for feita a compra.

Ford Ka

Mesmo tendo saído de linha, o Ford Ka é um carro muito bom, e ainda melhor, está com preços baixos. Esse modelo conta com propulsores de 3 cilindros da linha Dragon, e um motor 1.0 de 85/80 cv, na versão mais básica. Seu câmbio automático de 6 marchas encaixa perfeitamente com o motor, tornando o carro bem potente para o seu preço

Embora seja uma ótima opção, muitas pessoas podem ter problemas com a falta de peças no mercado, já que a Ford saiu do Brasil. Isso não torna o carro em si ruim, mas pode dificultar em alguns pontos a manutenção.

Citroën C3

Este modelo da marca francesa é um ótimo atrativo do mercado de seminovos. Isso porque os preços têm subido excessivamente, tornando o C3 uma boa opção para quem quer comprar um primeiro carro. É um carro gostoso de dirigir que possui inúmeras versões diferentes, cada uma mais potente, completa e cara que a outra.

A versão Exclusive de 2015 conta com um motor 1.6, direção elétrica, trio elétrico, sensores especiais e tudo que se tem direito de uma versão mais cara. É uma opção muito boa para quem quer um compacto, e segundo a tabela Fipe, está avaliada em R$ 45 mil.

Conheça as principais formas de pagamento

Um notebook na mesa com alguém teclando alguma coisa e uma calculadora

Agora que você já escolheu seu carro, veja as melhores formas de pagamento e qual se adequa ao seu bolso. Confira abaixo!

Consórcio

Esta modalidade de crédito se baseia no financiamento em grupo para o veículo, onde as pessoas pagam mensalmente parcelas que fazem uma poupança conjunta. Mensalmente ocorre um sorteio da carta de crédito, onde o sorteado recebe o dinheiro para realizar a compra. Esses métodos são administrados pelos bancos.

Não sendo aplicadas taxas de juros e nem valor mínimo das parcelas, os consórcios são ótimos caminhos para pagar seu primeiro carro.

Financiamento

Os financiamentos também são feitos no banco, em um processo simples onde a instituição financeira cede o valor ou o bem e o cliente faz o pagamento parcelado e negociado mensalmente. Pode-se oferecer entradas maiores para diminuir a quantidade de parcelas, entretanto, é fundamental compreender os juros que podem vir com a compra e como administrá-los.

Para isso, confira seu orçamento e considere as outras opções do artigo.

Pagamento a vista, parcelado no cartão e carnê

Caso você seja bom em economizar, pode pagar um carro à vista, sendo essa opção mais econômica. Você também pode parcelar com seu cartão de crédito, basta não ter nenhuma pendência com a Receita Federal e fazer uma boa administração das suas dívidas.

O carnê pode disponibilizar parcelas em até 48 vezes, ao contrário do cartão de crédito, que limita esse número a 12 parcelas, sendo uma boa opção para quem tem menos dinheiro.

Escolha e cuide bem do seu primeiro carro!

Quatro jovens felizes em um carro

Agora que você já sabe tudo sobre para comprar seu primeiro carro, pense bem na escolha do veículo e na forma de pagamento. Ter um carro hoje, além de sinal de status, economiza muito tempo e dá muita independência para o dono, fora que muitas pessoas ganham dinheiro somente dirigindo. Porém, lembre-se, nunca dirija embriagado, pois além de colocar a sua vida em risco, está colocando a dos outros.

Sendo seu primeiro veículo, você deve dirigir com calma e cuidado, respeitando todas as leis de trânsito e tomando o máximo de cuidado, afinal, você acabou de comprar seu carro, não é?

Autor deste artigo

Últimos posts


As 10 Melhores Impressoras 3D com Bom Custo-Benefício de 2022: Flashforge, Creality e muito mais!

As 10 Melhores Impressoras 3D com Bom Custo-Benefício de 2022: Flashforge, Creality e muito mais!

Está em busca de uma excelente impressora 3D, mas não quer gastar muito? Conheça agora os modelos com bom custo-benefício e saiba como escolher o modelo ideal!


Como limpar aliança de prata: que ficou preta, dicas e muito mais!

Como limpar aliança de prata: que ficou preta, dicas e muito mais!

Você sabe como limpar acessórios feitos de prata? Veja neste artigo passo a passo para lustrar, dicas e formas de manter sua peça brilhando.


Treino com halteres: para iniciantes, intermediário e muito mais!

Treino com halteres: para iniciantes, intermediário e muito mais!

Existe uma série de exercícios que podem ser aprimorados com os halteres, sejam treinos para membros inferiores ou superiores. Confira alguns deles aqui!


Treino ABCD: divisão de treinos, dicas, exemplos e muito mais!

Treino ABCD: divisão de treinos, dicas, exemplos e muito mais!

Já ouviu falar em treino ABCD para fazer na academia e auxiliar na hipertrofia? Confira esse artigo para saber como funciona, dicas, vantagens e desvantagens.


Motos custom: as mais baratas e as melhores que se pode encontrar!

Motos custom: as mais baratas e as melhores que se pode encontrar!

Neste artigo, saiba as novidades das motos custom e confira os diferentes modelos para ter uma em sua garagem, suas características e vantagens.


Palavras do momento

Palavras-chave do momento no PortalVidaLivre


Perfume Alimentação