Como plantar tomate cereja em vasos: fazer mudas, rega e muito mais!

Como plantar tomate cereja em vasos: fazer mudas, rega e muito mais!

Veja neste artigo, como cultivar um tomate cereja em vasos, fazer sua propagação por mudas e outras espécies de mini tomates.


Tomate Cereja: saboreie essa delícia cultivada em casa!

Vários tomates cereja

O tomate cereja é uma das variedades disponíveis de mini tomate. Além de delicioso, esse fruto traz inúmeros benefícios para a saúde: previne o câncer e doenças cardiovasculares e faz bem para a pele e para o sistema imunológico. Ele ainda pode ser consumido sem ser só o acompanhante do almoço e do jantar, sendo uma ótima opção para um lanche rápido e nutritivo.

O melhor é que você pode cultivá-lo facilmente em casa sem precisar de muito espaço, pois os frutos pequenos e o tamanho da raiz permitem que ele seja plantado em vasos. Por fim, você não terá apenas o prazer de comer um fruto orgânico produzido pelas suas mãos, esses vasos também ficam lindos para ornar o seu lar, dando uma caracterização diferenciada e útil. Vamos ver?

Características do tomate cereja

close up a uma mão segurando tomate cereja


Nome Científico

Solanum lycopersicum var. cerasiforme

Nome popular
Tomate Cereja
Porte
40 a 70 cm
Países de origem
Regiões andinas do Peru, México, Equador
Floração Depois de 6 semanas
Ciclo de vida
Em torno de 90 dias

O tomate surgiu nas regiões andinas. Porém, acredita-se que, quando foi levado ao México e ao Equador, o seu tamanho diminuiu, dando origem ao que conhecemos hoje como tomate cereja. Ele possui de 2 a 3 centímetros de diâmetro, enquanto os tradicionais medem de 7 a 8 centímetros. A maior diferença, porém, está no sabor: é menos ácido e mais adocicado. 

Como plantar tomate cereja em vaso

equipamentos de plantação de Tomates cereja em vaso

Agora que você já sabe o diferencial do tomate cereja, siga as dicas para cultivar essas pequenas delícias na sua casa. O procedimento é simples e você terá uma produção de alto rendimento, se dedicar tempo e atenção ao seu pé de tomate.

Escolha um vaso

O primeiro passo é escolher o vaso em que o fruto será plantado. Apesar de parecer a parte mais simples do plantio, é extremamente importante. É necessário que o vaso tenha altura e largura ideais para o desenvolvimento adequado.

Assim, deve-se escolher um modelo grande, com pelo menos meio metro de altura e quarenta centímetros de diâmetro, considerando a altura que o pé de tomate pode atingir e a profundidade da raiz. Uma dica essencial é escolher uma opção com furos, para auxiliar na drenagem.

Quanto ao material, há três opções de vasos: os de plástico, cerâmica e cimento. Sendo que os de cerâmica e cimento conservam melhor a temperatura e a umidade do solo, preservando, assim, sua composição orgânica.

Preparando o solo

O substrato, em que o tomate cereja será plantado, deve ser rico em minerais e matéria orgânica. Recomenda-se que esteja sempre úmido, mas nunca encharcado. É por isso que a escolha de um vaso com furos para a água escoar é essencial. E, para potencializar ainda mais a drenagem, você pode usar argila expandida ou pedra brita, em uma quantidade que seja suficiente para cobrir os furos do vaso.

Primeiro, coloque a argila ou a pedra brita e, sobre esse material, acrescente uma manta. Essa manta é própria para drenagem e é encontrada em casas de lavoura, evitando que o substrato se perca.

Além disso, o solo precisa de espaço para ventilação e deve ser solto e fofo. Uma boa prática é sempre arejar o solo através de ferramentas apropriadas para jardinagem como garfos forcados e pás. Isso faz com que a fertilização e os nutrientes cheguem facilmente até as raízes.

Lembre-se de preparar substrato suficiente para as mudas, que constitui o processo inicial, e também para o plantio definitivo, que será no vaso. O substrato pode ser constituído de duas maneiras: a base de uma mistura de terra com esterco de gado ou terra vegetal, facilmente encontrada para venda e pronta para plantio. Há ainda a possibilidade de preparar uma mistura combinando esterco de gado com terra vegetal e terra natural.

Faça mudas de tomate cereja

Há outras possibilidades, mas a mais comum para o cultivo é fazer mudas antes de iniciar o plantio no vaso. Assim, para iniciar o processo, você precisa de um tomate cereja. Corte ele ao meio e retire as sementes. É recomendado deixá-las secar primeiro para que não tenha risco de aparecer fungos e bactérias.

Depois disso, adicione de 2 a 3 sementes juntamente com o substrato em um recipiente pequeno, pois será provisório. Você também pode optar por comprar sementes selecionadas, vendidas em hortifrutigranjeiros. A vantagem é que elas possuem alta grau de germinação e qualidade.

No período provisório, deve-se sempre regar e esperar os sinais da germinação. Quando a muda atingir a altura de 3 a 4 centímetros, é hora de transportá-la para o vaso. Escolha sempre as que tiverem se desenvolvido melhor. Você pode fazer esse procedimento em bandejas apropriadas, disponíveis para compra, ou, se você deseja economizar, pode utilizar alternativas caseiras.

Uma dica é reaproveitar as bandejas de ovo, fazendo furinhos no fundo para a drenagem e, depois, é só preencher com o substrato.

Clima ideal para tomate cereja

O sol é um fator crucial para que o pé de tomate cereja prospere e produza frutos saudáveis. Ele precisa de luz solar direta durante o dia, assim escolha um lugar bem iluminado para o seu vaso. Para saber o local mais propício para posicioná-lo, observe na sua casa onde o sol aparece pela manhã.

Caso ele perdure por muito tempo, e sobretudo se você morar em apartamento, é interessante utilizar um sombrite, que é uma tela que reduz a intensidade dos raios solares, fazendo com que a planta não se queime.

Quanto ao clima, esse fruto não apresenta tamanha restrição. É por isso que pode ser produzido em diferentes regiões e durante o ano todo. Assim, o produtor encontrará mais dificuldade apenas em lugares que sofrem com a geada ou com o calor extremo. Mas, nesses casos, o problema pode ser resolvido com o uso da estufa.

Dependendo de onde você mora, há um período do ano que haverá melhores rendimentos na sua produção. Em relação ao Brasil, segundo o biólogo Fágner Heldt, para as regiões sul e sudeste esse período é entre agosto e janeiro. E para as regiões central, norte e nordeste, é entre março e outubro.

Solo ideal para tomate cereja

O ideal, para ter sucesso na colheita, é sempre manter o solo fértil. Os cuidados com os minerais e a matéria orgânica devem ser constantes, não se restringindo ao preparo do substrato. Assim, a aplicação de fertilizantes e adubos orgânicos com frequência, sobretudo na fase de crescimento, é necessária.

Além disso, sempre retire as ervas daninhas, pois elas sugam a fertilidade do solo, impedindo o crescimento da planta, além de ocasionarem o aparecimento de pragas, como veremos nos tópicos adiante.

Como cuidar da muda de tomate cereja em vaso

Pequeno pé de tomate cereja

Depois do plantio, há cuidados essenciais para que seu trabalho não seja infrutífero. Se atente a isso para não ter prejuízos:

Rega do tomate cereja

Esse é um fruto que gosta de água em grande quantidade. Porém, como já colocado, tenha cuidado para que o solo não fique encharcado. Além disso, lembre-se que o local mais apropriado para a irrigação é sempre na raiz. Nunca molhe na região das folhas, pois isso pode ocasionar o surgimento de fungos.

Quanto a frequência da rega, isso depende de diversos fatores como região, clima e o estado de secura do solo. Em geral, você pode fazer a irrigação uma vez ao dia, em uma quantidade necessária para o estado do fruto. Ou, então, você pode optar pelo sistema de gotejamento, que mantém o solo sempre úmido e economiza água.

Recomenda-se a rega no período da manhã ou no final da tarde, pois se realizada durante os períodos de maior temperatura e luz solar direta pode haver um efeito de cozimento na planta.

Fertilizante para o tomate cereja

A fertilidade é um cuidado essencial para que os frutos vinguem. Dessa forma, como já colocado, aconselha-se a utilização de fertilizantes com frequência, sobretudo na fase de crescimento. Você pode aplicar uma vez a cada semana, mas primeiro observe a vitalidade da planta e veja se há a necessidade de aplicação. O ideal é utilizar um método orgânico.

Além de ser menos agressivo para o meio ambiente, os fertilizantes orgânicos trazem benefícios para a qualidade do solo. Eles são de origem animal ou vegetal e são produzidos combinando matérias com baixo e alto nível de nitrogênio. Assim, você pode pesquisar, testar e decidir a opção mais prática para a sua realidade.

No tópico da adubação e substrato, há algumas opções. Todavia, se não for a sua intenção obter um fruto orgânico, você pode utilizar fertilizantes químicos. Nesse caso, lembre-se sempre de usar as dosagens de acordo com o fabricante.

Poda do tomate cereja

As podas são recomendas quando o pé estiver entre 20 cm e 40 cm de altura. Você perceberá a necessidade pelo estado das folhas, que, quando velhas, ficam amareladas. São elas que devem ser retiradas e também os galhos que estiverem mais longe do caule principal.

A planta deve ficar mais arejada possível. Deixe apenas os galhos produtivos, isso auxiliará no desenvolvimento saudável dos frutos. Esse processo é realizado na direção de baixo para cima.

É necessário o uso de tesouras apropriadas, sempre fazendo cortes a 45 graus para evitar o acúmulo de água. Essa poda faz com que os frutos saudáveis recebam mais nutrientes do solo.

Substratos e adubos para tomate cereja

Assim como a fertilização, a adubação deve ser frequente. Escolha de preferência, mais uma vez, as opções orgânicas, que trarão apenas benefícios para a qualidade do fruto e do solo. O uso do húmus de minhoca é eficiente. Todavia, você pode se aventurar em outras técnicas e observar qual a mais adequada para o seu vaso.

Uma pesquisa da Universidade Federal de Viçosa, por exemplo, indica que o uso de esterco bovino auxilia no crescimento e na reprodução do tomate cereja. Esse esterco deve estar curtido e livre de fermentação. Caso você prefira o adubo químico, há o adubo 101010 e a ureia, que podem ser usados em combinação conforme as instruções do fabricante.

Quanto ao substrato, essencial para o desenvolvimento do fruto, é interessante utilizar um composto orgânico através do método da compostagem. O húmus de minhoca, combinado com 30% de um condicionador de solos, também é uma escolha válida para esse processo.

Uma dica é pesquisar sobre os restos orgânicos que são produzidos em sua casa e ver como você pode utilizá-los. Alguns exemplos recorrentes são as cascas de ovos e de outros alimentos, o pó de café e restos vegetais.

Suporte de sustentação para tomate cereja

Mesmo que o plantio do tomate cereja seja no vaso, é importante que ele tenha uma sustentação que impeça sua quebra quando crescer. Você pode utilizar estacas ou gaiolas específicas para tomateiros.

No caso das estacas, será preciso amarrar o pé. Porém, faça esse procedimento com delicadeza e não amarre de maneira muito forte, pois pode ser prejudicial para a planta. O ideal é o uso de barbantes de algodão ou plásticos, fazendo amarraduras frouxas.

Colheita do tomate cereja

Essa é, sem dúvidas, a parte mais esperada do plantio. O período de tempo para colher os seus tomatinhos varia, mas é de aproximadamente 90 dias, se estiver com todas as condições favoráveis. Se não, é só esperar um pouco mais.

Na hora de colher, você pode tranquilamente retirar com suas mãos. Visto que, se estiveram realmente maduros, sairão sem fazer força.

Principais problemas que seu pé de tomate cereja pode ter

Pé de tomate cereja

As pragas representam um grande fator de risco para o tomate cereja, sobretudo as moscas brancas, os ácaros e os pulgões, e a larva mineradora. Veja como se livrar delas:

Cuidados contra mosca branca

Esses pequenos insetos são uma das principais pragas que atingem os tomates, tanto o tradicional quanto o cereja. As moscas brancas causam, através do Geminivírus, o bloqueio do desenvolvimento do fruto e podem até matar a planta com as toxinas que transmitem. O ideal é prevenir o seu aparecimento, tendo cuidado no preparo do solo e sempre supervisionando o estado do fruto. Mas, se mesmo assim aparecerem, há solução.

O meio mais difundido para acabar com elas é a utilização de inseticidas, inclusive como forma de prevenção. Contudo, já que o objetivo é produzir o tomate cereja em casa, uma das vantagens é obter um fruto orgânico. Dessa maneira, evite ao máximo essa solução. Tente primeiro receitas naturais.

Uma prática bastante utilizada entre os cultivadores é produzir um inseticida natural com vinagre e água, aplicando na planta todos os dias quando o sol já estiver baixo. Faça isso até que as moscas brancas sumam. Caso essas receitas não funcionem, aí sim você deve recorrer aos vendedores de produtos especializados no combate a essa praga.

Ácaros e pulgões

Assim como as moscas brancas, os ácaros e pulgões podem matar o pé de tomate cereja. É comum perceber o aparecimento dos ácaros primeiro nos galhos e caule, enquanto os pulgões se instalam nas folhas. Para combatê-los, pode ser utilizado o mesmo método das moscas brancas. Mas, há também outras possibilidades.

Uma receita caseira muito conhecida é a mistura de sabão neutro e água. Há pessoas que utilizam, no lugar do sabão, detergente. Porém, esse produto causa poluição ao meio ambiente, por não ser biodegradável como o sabão. Lembre-se que essas receitas devem ser aplicadas com borrifadores apenas nos pontos onde a planta foi atacada.

Larva minadora

Por fim, as larvas minadoras atacam o caule e as folhas do tomate cereja, se utilizando dessas para se alimentar. Para se prevenir dessa praga, assim como as de cima, é importante se livrar de restos culturais e de plantas daninhas.

E, para tratar, quando o pé de tomate já estiver atingido, além das receitas naturais já apresentadas, a comunidade de agricultores "Maneje Bem" indica o uso de uma receita orgânica que consiste na combinação da calda de pimenta com fumo.

Dicas para ter um pé de tomate cereja em vaso

Confira algumas dicas extras para dominar completamente a técnica de plantio do tomate cereja:

Desbaste do pé de tomate cereja

Na hora do plantio são utilizadas sementes em excesso para que haja mais chances de ocorrer a germinação. Dessa maneira, nascem também plantas em excesso, mas nem todas são fortes e possuem chances de vigorar. O desbaste do pé consiste em retirar esse excesso, sobretudo as folhas fracas e com aparência inferior. Esse processo favorece o crescimento saudável do pé de tomate cereja e deve ser realizado regularmente.

Observe os frutos no pé

Para que você tenha noção do desenvolvimento do seu pé de tomate cereja, preste atenção na mudança que ocorre. Primeiro aparecerá flores amarelas, cerca de 45 dias depois do plantio. Depois, elas se transformam em pequenos frutos verdes. E, por fim, esses frutos amadurecem, ficam próximo da cor vermelha e com uma textura macia: estão prontos para consumo!

Conheça o ciclo de vida do tomate cereja

Como já colocado no tópico da colheita, o ciclo de vida do tomate cereja é de aproximadamente 90 dias. Contudo, dependendo das condições, ele pode variar e levar cerca de 120 dias. Não se desespere, o importante é ter paciência e observar sempre o estado do pé, como colocado no tópico acima.

Se você se sentir seguro e já estiver dominando todas as técnicas, o ideal, para ter um produção maior de frutos, é cultivar mais de um vaso.

Tipos de tomates cerejas mais comuns

Há diversos tipos de tomate cereja. Abaixo apresentamos os mais comuns para o cultivo:

Tomate cereja doce

Tomate cereja doce

O sweet grape é a variedade mais doce que existe de tomate. Ele se encaixa na categoria do tomate cereja por ser miúdo. Em razão do sabor, é ideal para compor lanchinhos práticos. Se você tem filhos, e quer uma opção saudável e atraente para a lancheira, fica aí a dica.

Tomate cereja elfo

O elfo é outra variedade disponível para plantio. Assim como o sweet grape, também apresenta um sabor doce. Porém, é um pouco mais ácido. Além disso, possui uma polpa bem recheada.

Tomate cereja margol

Tomate cereja margol

O tomate cereja margol é uma espécie conhecida pelo seu alto rendimento. Então, se seu objetivo é sobretudo a quantidade, essa é a opção certa para o seu plantio.

Tomate cereja ira

Tomate cereja ira

Essa é a menor variedade existente. Quanto ao seu sabor, é extremamente doce, assim como o sweet grape. Dessa forma, é uma boa opção para compor sucos de emagrecimento, dando um toque especial para a sua dieta.

Aproveite as dicas e plante um tomate cereja em vaso!

Tomates cereja frescos

Com esse artigo, você possui o passo a passo completo para o cultivo em casa, sendo necessário apenas espaço para os vasos de tomate cereja. Lhe foi apresentado desde orientações para o plantio até como manter a saúde do fruto e se livrar das pragas. Comece com uma produção em pequena escala, quando tiver dominado a técnica você se sentirá seguro para expandi-la, podendo até comercializar e garantir uma renda extra.

Se as dicas forem seguidas, e você dedicar atenção e cuidado, no final terá o prazer de comer esse fruto tão delicioso e nutritivo. Lembre-se que uma planta é um ser vivo, então é necessário que todos os dias você se atente ao que ela necessita para sobreviver e prosperar. E a principal vantagem de produzir na sua própria casa é a possibilidade de evitar ao máximo o uso de agrotóxicos e ter uma alimentação menos prejudicial à saúde.

Foi por isso que optamos em oferecer alternativas naturais antes de recorrer aos métodos químicos. Se você se interessou pelo assunto, que tal trazer sabor ao seu jardim?

Autor deste artigo

Sou estudante de Letras e, quando estava no Ensino Médio, fiz o curso técnico de meio ambiente. Assim, é um prazer poder relacionar essas duas áreas nesse projeto incrível. Além disso, eu me interesso por assuntos de decoração e estilo de vida. Obrigada por dedicar o seu precioso tempo lendo minhas descobertas.

Últimos posts


Os 16 Melhores Presentes para Amigo Secreto de 2022: Mochila, livros e muito mais!

Os 16 Melhores Presentes para Amigo Secreto de 2022: Mochila, livros e muito mais!

Quer surpreender com o melhor presente para amigo secreto? Veja neste artigo dicas de como escolher o ideal e um ranking com as 16 melhores opções do mercado!


As 10 Melhores Máquinas de Estampar Camisetas de 2022: Pelegrin, Sun Special e muito mais!

As 10 Melhores Máquinas de Estampar Camisetas de 2022: Pelegrin, Sun Special e muito mais!

Em dúvida sobre qual é a melhor máquina de estampar camisetas? Veja dicas de como escolher a máquina ideal e uma seleção com os 10 melhores modelos de 2022!


Os 10 Melhores Fones com Cancelamento de Ruído: Soundcore, JBL e mais!

Os 10 Melhores Fones com Cancelamento de Ruído: Soundcore, JBL e mais!

Procurando um fone com cancelamento de ruído? Confira nosso artigo com as melhores dicas de como escolher o seu e os 10 melhores modelos disponíveis!


Os 10 iPhones com Melhores Câmeras em 2022: iPhone 13 Pro, iPhone SE e mais!

Os 10 iPhones com Melhores Câmeras em 2022: iPhone 13 Pro, iPhone SE e mais!

Quer a qualidade Apple para registrar momentos incríveis? Neste artigo, apresentamos os 10 iPhones com melhores câmeras em 2022, como escolher e onde comprar!


Os 20 Melhores Notebooks de 2022: Samsung, Dell e mais!

Os 20 Melhores Notebooks de 2022: Samsung, Dell e mais!

Em dúvida sobre qual é o notebook ideal para o que você precisa? Veja os 20 melhores modelos de 2022 e dicas de como escolher a opção mais adequada ao seu uso!


Palavras do momento

Palavras-chave do momento no PortalVidaLivre


Perfume Alimentação Saúde sexual Treinos Sapatos