Como plantar camomila: com sementes, cuidados, benefícios e mais!

Como plantar camomila: com sementes, cuidados, benefícios e mais!

Sabia que existem dois tipos de camomila? Descubra neste artigo, como plantar, dicas de cuidados e muitas curiosidades dessa planta tão fascinante e benéfica.


Como plantar camomila: bela e medicinal!

Mulher apreciando a beleza do campo de camomilas.

A camomila é uma das plantas medicinais mais populares em nosso Brasil, isso porque seu chá é muito comum nas lojas e mercados pelas cidades. Com diversos benefícios e um gosto ótimo, a Matricaria recutita, como é conhecida cientificamente, é uma erva da mesma família do dente-de-leão, e não cresce mais que 0,5 metro de altura.

Esse artigo vai explorar o plantio da camomila, mas não sem antes mostrar a você, leitor, características básicas da planta, além de informações sobre seus benefícios e nutrientes, seu preço médio, locais de compra e como usá-la na decoração de seu jardim ou casa. Gostou do assunto e se interessou pela camomila? Continue lendo para conhecer mais sobre a planta e curiosidades!

Informações básicas da camomila

Campo repleto de belas camomilas em um dia ensolarado.


Nome científico

Matricaria recutita

Nomes populares
Camomila, Camomila-alemã, Camomila-comum, Camomila-da-alemanha e Camomila-húngara
Origem
Ásia e Europa
Porte
Pequeno
Ciclo de vida
Anual
Floração
Ano todo
Clima
Continental, mediterrâneo, temperado e tropical


A camomila é uma planta da família Asteraceae, origina-se no oeste da Ásia e no leste e sul da Europa. Se propaga muito bem, porém não se descarta os cuidados de cultivo, pois necessita de locais com temperatura amena, sol pleno, solos drenados, argilo-arenosos e férteis. Esta espécie de erva é popularmente utilizada no Brasil, devido as propriedades medicinais, além de também possuir fins cosméticos e aromaterápicos.

A Matricaria recutita é conhecida pelas suas pequenas flores brancas que lembram margaridas. Portanto, sua principal característica é seu aroma intenso e doce. Possui uma haste ereta que pode chegar a medir de 25 cm a 50 cm com pequenas folhagens.

Como plantar a camomila

Indivíduo com luvas amarelas, plantando uma muda de camomila no jardim.

Essa seção do texto vai explicar de forme simples, porém completa, as duas maneiras que os agricultores usam para fazer o plantio da camomila, por sementes ou por mudas retiradas de plantas adultas, cada uma com suas vantagens e desvantagens, confira!

Como plantar a camomila com semente

Normalmente, por ser uma planta pequena, o cultivo da camomila se faz em vasos de porte médio, que contenham cerca de 30 cm de altura, podendo ser de plástico ou de cerâmica, entretanto, dê prioridade ao segundo devido à absorção de água que o material oferece. Comece separando as sementes que pareçam saudáveis e grandes, compradas em lojas especializadas

Plante-as na primavera, colocando uma camada de cascalho e areia no vaso para ajudar na drenagem e depois terra, com bastante matéria orgânica, para fortalecer o crescimento e a germinação. Regue sem deixar a terra úmida e deixe o vaso ou o canteiro na sombra durante os primeiros dias.

Como plantar a muda de camomila

Para fazer o segundo método, prefira mudas de no mínimo 20 cm de altura, e escolha um vaso de cerâmica ou plástico de cerca de 30 cm de altura, ou plante a mudinha em algum canteiro com terra saudável e fértil de com cerca de 40 cm quadrados. Prefira as mudas com bastante folhas, pois elas são mais saudáveis.

Prepare o solo colocando cascalho no fundo, além de areia e outros materiais que auxiliem o substrato a drenar os excessos de água, e após isso, plante a muda, confortando a terra sobre o caule e as raízes para que a planta obtenha nutrientes.

Cuidados da camomila

Ferramentas de jardinagem e flores brancas sobre a madeira.

Agora que você já plantou suas mudinhas ou sementes de camomila, resta espera-las crescer e começar com os cuidados ideais para que elas floresçam com saúde e beleza. Essa seção do texto vai explicar todos os detalhes para o cultivo da planta, desde rega e solo até iluminação e temperatura ideais. Confira!

Solo para camomila

O solo para camomila deve ser bem permeável e pouco compacto, com pH neutro ou básico, nada de acidez. Prefira solos areno-argilosos, com leveza e bastante matéria orgânica, para que a planta possa se desenvolver bem. Dentre os materiais que podem ser usados para ajudar na drenagem da água, destacam-se a casca de pinus, o cascalho e a areia.

Já falando da matéria orgânica, o húmus de minhoca ou de composteira é super bem-vindo, pois seus nutrientes dão vigor para a planta. Lembre-se de não compactar a terra, pois isso pode sufocar as raízes da planta.

Como regar a camomila

A rega da camomila deve ser feita somente no solo, pois a rega das folhas aliada com o sol quente de alguns períodos mais quentes do ano como o verão pode “cozinha-las”, de forma que elas morram. Tenha em mente que a rega deve ser feita diariamente nas estações e dias mais quentes do ano, enquanto no inverno ela deve ser reduzida, pois as temperaturas são menores.

A parte mais importante da rega da camomila é nunca deixar o solo encharcado, pois o excesso de água na terra pode sufocar as raízes da planta, além de facilitar a aparição de fungos e bactérias prejudiciais à saúde da erva.

Adubo e substrato para camomila

Adubações não são necessárias para o cultivo da camomila, pois um bom substrato já satisfaz todas as necessidades nutritivas as quais a planta precisa. Portanto, esse substrato tem que ser bem feito e rico em nutrientes, como você pode conferir em os Melhores Adubos para Flores de 2022.

Dê preferência para terras areno-argilosas, que sejam pouco compactas, adicionando cascalho e areia em seu fundo para drenar a água. Continue colocando bastante matéria orgânica no solo para satisfazer a camomila.

Iluminação ideal para camomila

A camomila cresce bem em ambientes com diferentes luminosidades, entretanto, o ideal é cultivar a planta sob luminosidade solar direta, principalmente nos dias mais frios e nublados do ano, deixando sempre no mínimo 4 horas de sol forte irradiando em suas folhas, isso porque ela necessita de grandes níveis de irradiação.

Caso o cultivador queira, ele pode deixar a camomila sob meia sombra, fazendo uso de telas de proteção ou em ambientes que a luz não bate diretamente. Porém, esses processos podem atrasar a floração da planta.

Temperatura e umidade ideal para camomila

A camomila, por ser nativa de regiões mais frias do continente europeu e asiático, prefere climas mais amenos, se desenvolvendo idealmente em temperaturas mais frias, que fiquem, de preferência, abaixo dos 20°C, esse fator, entretanto, não exclui as possibilidades de cultivo em regiões mais quentes.

O que pode acontecer nesses casos é a planta florescer precocemente, por isso, o estado que mais produz camomila no Brasil é o Paraná, de clima mais frio. Tenha em mente que a planta aprecia níveis altos de umidade, portanto, deixe o ambiente úmido nos dias mais quentes. E o último fator é que ela não suporta secas prolongadas.

Propagação da camomila

A propagação da camomila tem diversos meios de ser feita, sendo os mais populares a disseminação de sementes, que possui maior chance de sucesso, podendo ser feita naturalmente ou por ação do cultivador, a divisão de plantas na raiz, que deve ser feita com muito cuidado para não ferir a planta mãe e a divisão por estacas ou mudas.

As duas últimas alternativas possuem chances reduzidas de sucesso, devido a alteração na estrutura da planta. Portanto, dê preferência para replantar a camomila com suas sementes mesmo, que nascem da própria planta, eliminando custos adicionais e dores de cabeça.

Doenças e pestes comuns da camomila

A ocorrência de pragas e pestes no cultivo da camomila é muito difícil de acontecer, sobretudo quando se planta corretamente, regando na quantidade certa com o solo ideal no quesito de nutrientes. Caso alguma praga apareça, não se desespere, pois as mais comuns são lagartas e pulgões, fáceis de se eliminar.

Podendo prejudicar o crescimento da camomila, esses bichinhos podem ser combatidos de diversas formas. Uma das alternativas é fazer uso de soluções aquosas para eliminar as ameaças, sendo a mais famosa a mistura de fumo de corda com água. Pode-se também incentivar animais predadores na plantação, como as joaninhas.

Como replantar a camomila

Fazer o replantio da camomila é uma tarefa muito simples, que pode ser executada de dois jeitos. O primeiro é pegar as sementes que a própria planta solta e replantá-las de leve no solo, sem afundar elas no processo, pois a luz solar ajuda na germinação da planta e não deve ser capada por terra, sendo esse o método mais eficaz e com mais controle para replantar a camomila.

O segundo é fazer o plantio de mudas ou estacas, sendo que essas devem ser tiradas de plantas adultas e saudáveis. Pela dificuldade do processo e pelas chances de sucesso serem menores, a maior parte dos agricultores dão preferência ao replantio por sementes.

A camomila possui poda?

A camomila não precisa de podas para se desenvolver bem, entretanto, alguns agricultores experimentam fazer podas totais, cortando o caule da planta bem no comecinho, como meio de reforçar a planta para uma possível brotação nova. No mais, prefira não podar a camomila, pois ela crescerá saudável em sua integridade.

Sobre camomila

Mulher segurando lindas flores de camomila.

Após a colheita de suas camomilas, resta saber mais sobre o que fazer com elas. Essa seção do texto vai explorar os benefícios da camomila, os produtos que podem ser feitos com a planta, como usá-la em decorações, onde comprar e preço, além de explicar mais sobre a planta em si. Confira logo abaixo os tópicos.

Benefícios do uso da camomila

O chá de camomila possui diversos benefícios para o corpo humano, entre eles a manutenção do sistema digestivo, aliviando dores abdominais, o relaxamento muscular, com propriedades calmantes e anti-inflamatórias, além de ajudar na cicatrização de feridas e alívio de cólicas menstruais, que tanto incomodam as mulheres.

Além disso tudo, a camomila pode aliviar facilmente sentimentos de ansiedade e insônia, e melhora a qualidade do sono de quem a consome. Pode evitar diarreias e úlceras estomacais, e pode combater células cancerígenas, segundo um estudo. Como adicional, a camomila ajuda a controlar o nível de açúcar no sangue das pessoas, sobretudo de diabéticos.

A flor e floração da camomila

A floração da camomila ocorre nos meses mais quentes do ano, e suas pequenas flores são lindas e ornamentais. Com um pequeno porte, elas possuem óleos voláteis, compostos que são responsáveis pelas características antissépticas, sedativas, calmantes e anti-inflamatórias da planta, acalmando os músculos e nervos internos.

Além disso, as pétalas brancas da camomila exalam um perfume extremamente doce e delicado, que é admirado no mundo inteiro, desde os tempos antigos até a modernidade. As flores devem ser colhidas e secas sob um papel na sombra, e deve-se usá-las para fazer o famoso chá de camomila, bebida deliciosa e refrescante.

Sobre os dois tipos de camomila

Buquê de camomila em uma cesta vime, decorando a sala de estar.

Duas plantas são popularmente conhecidas como camomila e são muito parecidas, porém possuem nome científico diferente. A primeira é a camomila verdadeira (romana ou inglesa), que se chama Chamaemelum nobile, e a camomila falsa (alemã), mais conhecida no Brasil e que leva o nome de Matricaria recutita.

Produtos cosméticos ou feitos de camomila normalmente levam as flores da alemã, entretanto, as duas contem muitas semelhanças, como o aroma e o sabor. De diferenças, nota-se o tamanho entre as duas, pois a alemã é maior, tanto em altura quanto em largura.

O lugar de produção também varia, porque a alemã é cultivada no Egito e na Europa. E a inglesa na Argentina e Europa, mais comumente. Portanto, logo abaixo descubra muitas outras informações sobre a camomila, esta espécie tão maravilhosa.

Produtos feitos de camomila

Além do famoso chá de camomila, a erva também é utilizada para produção de cosméticos e produtos de limpeza do corpo. Várias lojas hoje em dia comercializam produtos a base de camomila, como sabonetes, perfumes, óleos corporais e cremes. Todos estes possuem propriedade fitoterápicas e componentes relaxantes para a pele, além de serem usados como demaquilante.

Também são comuns xampus e condicionadores para cabelo, que deixam o coro cabeludo mais forte, além de mix de ervas para fumo, em tabacarias e lojas para maiores de idade. Entretanto, o produto mais popular são as próprias folhas de camomila para se fazer o chá, e que podem ser compradas a maior ou menor preço, dependendo do produtor e qualidade do produto.

Características físicas da camomila

Primeiramente, a camomila romana é uma planta de pequeno porte e baixo crescimento, que não passa dos 30 cm de altura, se espalhando através do enraizamento de seu caule debaixo da terra, principalmente em áreas areno-argilosas. Possui um caule peludo e uma flor em cada um, as quais são pequenas e possuem pétalas brancas, com um disco amarelo.

Já a camomila alemã é uma erva anual que possui crescimento mais vertical do que sua irmã, chegando até os 60 cm, em alguns casos, porém, não se espalha do mesmo jeito, crescendo em menor área. Sua folhagem fina se assemelha a da samambaia, fina e recortada, com caules ramificados que possuem flores, pequenas e brancas também, com cerca de 2 cm de diâmetro.

Camomila no paisagismo

A camomila é uma plantinha extremamente popular no paisagismo e na jardinagem por algumas razões. Dentre elas, temos o fato de o perfume da erva ser extremamente gostoso de se sentir, por ser doce, delicado e marcante, porém ser incomodar. Isso somente faz com que a camomila seja agradável em ambientes internos, que precisam de vento circulando.

Além disso, as flores de camomila são extremamente delicadas e bonitas, seu tom branco, que se assemelha ao de uma margarida traz um charme adicional a essa planta, pois combina com diversos ambientes interiores, como janelas, quartos e banheiros, como ambientes externos, canteiros e vasinhos de jardim.

Ciclo de vida da camomila

O ciclo de vida da camomila é de uma planta anual. Isso significa que ela completa toda sua vida em cerca de um ano. A maioria das espécies é plantada na primavera, crescendo lentamente. A camomila morre depois de crescer até adulta, porém, suas flores são polinizadas e as sementes criadas dão origem a uma nova planta.

Na natureza funciona assim, porém, os agricultores atualmente possuem outros métodos para reproduzir mais rapidamente as camomilas, aumentando a produtividade, que mesmo no Estado que mais produz em nosso país, o Paraná, ainda é bem pequena.

Preço médio e onde comprar camomila

Assim como qualquer produto do mercado, a camomila vendida em atacado sai mais barata que a varejo. Normalmente, 1 kg de camomila sai na faixa dos R$60 A R$80, dependendo do fornecedor, lembrando que safras mais valorizadas custam mais caro ao consumidor. Entretanto, a varejo sai mais caro, com 15 gramas custando entre R$10 a R$20.

Portanto, comprar por atacado quase sempre compensa mais. Para fazer essa aquisição, basta visitar alguns sites da internet, como o Mercado Livre, onde diversos fornecedores se encontram para vender, ou visitar mercadões municipais ou centros cerealistas. Em São Paulo, a zona cerealista no centro se destaca pela venda de camomila em atacado.

Veja também os melhores equipamentos para cuidar da camomila

Neste artigo apresentamos dicas de como plantar a camomila, e já que entramos nesse tema, também gostaríamos de apresentar alguns de nossos artigos de produtos de jardinagem, para que você cuide cada vez melhor de suas plantas. Confira abaixo!

As 10 melhores mangueiras de jardim de 2022: Flexzilla, Tramontina e muito mais!

https://portalvidalivre.com/articles/2088

Em busca de uma mangueira de jardim? Confira neste artigo as 10 melhores do mercado, juntamente com dicas de como escolher que vão auxiliar na sua compra!

Os 10 melhores kits de jardinagem de 2022: da Tramontina, NOLL e mais!

https://portalvidalivre.com/articles/1041

Pensando em comprar um kit de jardinagem e se aprimorar nessa atividade? Confira aqui os melhores modelos disponíveis no mercado e dicas de como escolher!

As 10 melhores tesouras de poda de 2022: Tramontina, Vonder e mais!

https://portalvidalivre.com/articles/1523

Você quer comprar uma tesoura para jardinagem mas não sabe qual escolher? Confira a seguir o ranking com os 10 melhores modelos de tesouras!

Plante a camomila e aproveite os benefícios!

Chá de ervas com flores de camomila na mesa de madeira.

A camomila é uma das plantas mais famosas na cultura brasileira. Quem nunca tomou um chazinho da erva feito pela vó, não é? E essa fama toda tem um motivo, ela tem capacidades terapêuticas incríveis, pois além de relaxar o corpo, os músculos e tendões, ela acalma a mente, aliviando ansiedades, estresses e insônias do dia a dia corriqueiro.

Esses fatores, aliados com seu sabor delicioso, fazem dela um ótimo ingrediente para receitas de doces. Por exemplo, fazer biscoitinhos de camomila dá super certo, pois eles ficam bem doces e macios. Não só isso, pode-se usar a erva para fazer outros tipos de doces, como brigadeiros, bolos e caldas.

Além disso tudo, ela é ótima para fazer cosméticos e produtos de higiene pessoal. Uma planta tão completa assim não pode faltar na sua horta, não é? Então aproveite nossas dicas e plante hoje mesmo sua semente ou muda de camomila!

Autor deste artigo

Últimos posts


As 10 Melhores Impressoras 3D com Bom Custo-Benefício de 2022: Flashforge, Creality e muito mais!

As 10 Melhores Impressoras 3D com Bom Custo-Benefício de 2022: Flashforge, Creality e muito mais!

Está em busca de uma excelente impressora 3D, mas não quer gastar muito? Conheça agora os modelos com bom custo-benefício e saiba como escolher o modelo ideal!


Como limpar aliança de prata: que ficou preta, dicas e muito mais!

Como limpar aliança de prata: que ficou preta, dicas e muito mais!

Você sabe como limpar acessórios feitos de prata? Veja neste artigo passo a passo para lustrar, dicas e formas de manter sua peça brilhando.


Treino com halteres: para iniciantes, intermediário e muito mais!

Treino com halteres: para iniciantes, intermediário e muito mais!

Existe uma série de exercícios que podem ser aprimorados com os halteres, sejam treinos para membros inferiores ou superiores. Confira alguns deles aqui!


Treino ABCD: divisão de treinos, dicas, exemplos e muito mais!

Treino ABCD: divisão de treinos, dicas, exemplos e muito mais!

Já ouviu falar em treino ABCD para fazer na academia e auxiliar na hipertrofia? Confira esse artigo para saber como funciona, dicas, vantagens e desvantagens.


Motos custom: as mais baratas e as melhores que se pode encontrar!

Motos custom: as mais baratas e as melhores que se pode encontrar!

Neste artigo, saiba as novidades das motos custom e confira os diferentes modelos para ter uma em sua garagem, suas características e vantagens.


Palavras do momento

Palavras-chave do momento no PortalVidaLivre


Perfume Alimentação