Tipos de vidro: para janela, porta, de tijolo, canelado e muito mais!

Tipos de vidro: para janela, porta, de tijolo, canelado e muito mais!

Este artigo é para quem quer conhecer os tipos de vidro existentes no mercado. Aproveite todas as dicas e veja como esse material facilitará sua rotina!


Saiba os melhores vidros para sua casa!

janela de vidro

Você com certeza concorda com a opinião geral de que os vários tipos de vidro existentes facilitam a vida em todos os aspectos. Em casa, no trabalho ou na rotina em outros estabelecimentos, o vidro tem mil e uma utilidades, sendo essencial para o desempenho das atividades humanas. Sejam elas essenciais ou não.

O vidro é encontrado em suas mais diversas formas e cores. Pode ser utilizado em janelas, lâmpadas, placas solares, fornos, geladeiras, utensílios de mesa e decoração, computadores, tablets ou telefones. O vidro também é utilizado em algo absolutamente essencial ao ser humano atualmente: fibras ópticas. Aliás, é indispensável, tendo em vista que é responsável direto pelas telecomunicações ao redor do mundo.

Artistas também já provaram que adoram o vidro em suas composições, como é o caso da pirâmide do Museu do Louvre, bem como o jardim botânico de Curitiba e o maior prédio do mundo, o Burj Khalifa. E se quiser saber até que ponto o vidro foi aperfeiçoado pelo ser humano, basta dar uma pesquisada rápida na internet na ponte Zhangjiajie (China). Mede 430 m de comprimento, fica a 300 m de altura e (pasme!) suporta o peso de um carro!

Já tinha parado para pensar nos diversos tipos de vidros que o mercado disponibiliza? Este artigo vai focar em um ramo bem requisitado: a construção civil. É para quem procura versatilidade no lar sem deixar de fora o conforto e a estética. Gostou? Então veja agora os tipos de viro ideais nas instalações mais comuns de um lar!

Saiba onde usar os tipos de vidros

janela de vidro

Sem dúvida alguma o vidro é um material muito procurado e até necessário em um lar. Os quesitos básicos que conferem ao vidro tanta versatilidade são sua impermeabilidade, assepsia, ser reciclável e ser um sólido amorfo, ou seja, pode ser moldado e transformado em qualquer coisa. Além disso, não é pesado como outros materiais e, dependendo do uso, pode adquirir uma resistência impressionante. E, no ramo da construção civil, é um dos materiais preferidos por sua transparência, resistência e pureza.

Se você está pensando ou planejando utilizar o vidro em instalações da sua casa, continue sua leitura deste artigo e veja agora dicas de usos que você pode dar a este material tão impressionante!

Vidro para janela

As características mais necessárias em uma janela são sua impermeabilização, higiene, conservação de acústica e temperatura interna do lar. E é justamente por isso que o vidro se torna um material excelente para usar nas janelas da casa.

Dependendo do tipo de vidro que você escolha para suas janelas, o ambiente vai ganhar mais iluminação, controle acústico, bem como melhoria estética e versatilidade. Assim como em qualquer outra instalação, tenha em mente qual o seu objetivo para o ambiente em questão e adapte aos tipos de vidro que encontrar no mercado.

Vidro para porta

Assim como no caso da janela, a porta é essencial para o isolamento acústico e térmico do ambiente. Porém, devido ao seu tamanho e destaque no cômodo, chama mais atenção do que a janela. Pensando nisso, você pode pensar em uma composição de vidro nas duas instalações para conferir também a estética do ambiente em questão.

Mas tenha cuidado com a resistência do material. Procure um vidro que seja mais resistente, pois a porta é extremamente utilizada por todos no dia a dia. E para quem convive com uma pessoa que tenha necessidade especial, idoso ou criança, este cuidado se torna ainda mais fundamental para a prevenção de acidentes dentro de casa.

Vidro para box

Provavelmente essa é a instalação da casa onde o vidro é mais utilizado. O banheiro é um dos cômodos onde a limpeza é extremamente essencial, portanto, a facilidade de limpeza, a alta durabilidade do vidro e a impossibilidade de ele enferrujar confere ao box uma excelente opção de material.

Além destas questões práticas, o vidro pode conferir ao ambiente mais iluminação, ou seja, economia na conta de energia. Pensando ainda na questão visual, especificamente o vidro transparente dá a sensação de maior amplitude do cômodo. E o conforto do banheiro também estará assegurado a depender do tipo de vidro utilizado no ambiente.

Tipos de tijolo de vidro

tijolos de vidro

Outro uso bastante comum do vidro é na composição do design do ambiente. Aliás, atualmente, essa é a aposta dos profissionais da área para conferir ao lar mais conforto, versatilidade e valorização. E um dos tipos de vidro mais utilizados é o tijolo de vidro.

Já ouviu falar nesse material? O tijolo de vidro decora o ambiente de forma belíssima, além de aumentar a iluminação natural. Pode até ser utilizado para dividir ambientes, sem precisar de alvenaria pesada. E com lares cada vez menores, o tijolo de vidro é um excelente material para decorar um cômodo pequeno de forma delicada, além de proporcionar a sensação de que o ambiente é maior.

Tijolo de vidro fixo

Com certeza esse é o tipo mais conhecido de tijolo de vidro, até porque é o mais barato. O tijolo em si é completamente fechado, e sua principal função é iluminar o ambiente. A única coisa que pode variar neste modelo de tijolo de vidro é o tipo de acabamento, já que o vidro pode ser liso, canelado, ondulado, piramidal ou com outros efeitos que dão mais detalhe ao local.

O tipo mais procurado é o transparente, apesar de existir em diversas cores, por conta da iluminação natural que ele dá ao cômodo.

Tijolo vazado e com ventilação

Este fica em segundo lugar entre os mais procurados. Já ouviu falar de veneziana? Então, este modelo de tijolo de vidro imita uma veneziana. É inclinado e possui abertura, o que confere ao ambiente ventilação além de iluminação natural. Muitas pessoas procuram o tijolo de vidro vazado para dar vida e circulação de ar em ambientes com paredes que não possuem janela.

Só tenha cuidado com a escolha do ambiente onde este tipo de tijolo de vidro será instalado, pois, por conta do espaço vazado, pode entrar água da chuva no ambiente.

Tijolo colorido

De todos, é o mais bonito. Arquitetos e designers de interiores adoram este modelo, por permitir uma composição mais alegre e com vida ao ambiente. É mais comum ser utilizado em divisórias de espaços e ambientes externos. Mas, se você quiser usar sua criatividade, pode fazer um ‘tetris’ combinando o modelo transparente com o tijolo de vidro colorido.

Apenas tenha em mente que, ao optar pelo vidro colorido, a iluminação natural no ambiente será menor. Mas não deixa nada a desejar na estética, porque o modelo colorido reflete sua própria cor no ambiente.

Tipos de vidros decorativos

vidro serigrafado

Conforme você viu até agora nesse artigo, os tipos de tijolos de vidro encontrados no mercado fornecem uma infinidade de usos em diversos ambientes. Pode ser utilizado em paredes inteiras ou apenas para dividir ambientes, especialmente em locais menores. E é extremamente democrático e versátil, atendendo todo tipo de público.

Lhe convencemos a utilizar o tijolo de vidro em sua casa? Se você está pensando nisso, mas ainda não sabe exatamente como vai utilizar esse material na decoração da casa, escritório ou espaço comercial, veja agora alguns tipos de tijolos de vidro decorativos que separamos e escolha qual o que melhor se encaixa em sua necessidade (e gosto).

Vidro canelado

Esta é a opção mais acessível e delicada. O tijolo de vidro canelado só difere do tijolo tradicional por conta de seus detalhes canelados. Caso esteja se perguntando, estamos se referindo à textura superficial dele, que possui risquinhos verticais ou horizontais (dependendo do modelo), ou até quadriculados.

O tijolo de vidro canelado dá ao ambiente uma beleza diferenciada e original, valorizando o imóvel.

Vidro jateado

O vidro jateado passa por um processo de fabricação que o deixa fosco e opaco. Ou seja, em uma parede composta de tijolo de vidro jateado, quem está de um lado do ambiente não consegue ver com nitidez quem está do outro lado, apesar da iluminação continuar passando do mesmo jeito. Achou interessante?

Muitas pessoas o procuram para utilizar em portas (ambientes ou armários), ambientes corporativos, banheiros ou locais do espaço que precisam de privacidade. E você não possui orçamento para a compra do tijolo de vidro jateado, você até pode aplicar uma película sobre um vidro comum, trazendo este mesmo efeito opaco sobre ele.

Vidro colorido

O tijolo de vidro colorido é utilizado nos mais diversos ambientes, sejam pessoais ou corporativos. Trazem suavidade e vida ao ambiente, além de proporcionar uma iluminação natural incrível. É fácil de limpar e o efeito decorativo é bastante valorizado no mercado de imóveis.

Pode ser utilizado para separar o quarto do closet, para decorar a parede de cabeceira da cama, em um mosaico na sala, bancada de cozinha, escritórios, lavandeira (em composição com o tijolo transparente), e principalmente fachadas e áreas externas.

Vidro serigrafado

O tijolo de vidro serigrafado tem um valor mais alto por conta do seu processo de fabricação. Também conhecido com esmaltado, o vidro serigrafado tem revestimento de esmalte cerâmico (tinta vitrificada), e é aquecido a uma temperatura de 700ºC. Este procedimento faz com que esse modelo de tijolo de vidro tenha uma resistência incrível.

Pode ser estampado ou colorido, e é considerado vidro temperado. Portanto, é ideal para quem possui crianças ou pessoas com necessidades especiais em convivência, já que confere ao ambiente, além da estética, uma segurança maior.

Vidro bisotado

Este modelo de tijolo de vidro se difere dos outros na questão estética. O acabamento bisotê nada mais é do que a borda do vidro chanfrada, dando à peça angulação maior. É muito procurado quando a pessoa quer dar ao ambiente maior elegância e sofisticação.

É necessário cuidado ao escolher em qual ambiente este tijolo de vidro será assentado. Normalmente, no quarto e na sala ele torna o cômodo mais requintado sem retirar a iluminação natural. O efeito é lindo e muito valorizado.

Vidro impresso

Este é o modelo mais versátil de todos. Com a invenção da impressora 3D, se tronou o mais queridinho dos arquitetos por permitir a personalização mais fácil de acordo com o cliente e o ambiente. É também conhecido como vidro fantasia.

Quando processado em fábrica, se torna um vidro temperado. Ele passa por rolos metálicos texturizados a uma temperatura de 900ºC, deixando desenhos em relevo na superfície do vidro. Pode ser encontrado transparente ou colorido, bem como brilhante, fosco, esmaltado ou texturizado.

Vidro fusing

É o vidro com o mais antigo processamento de todos. A vitrofusão é uma técnica portuguesa rudimentar, bem artesanal inclusive, que consiste em fundir vidros diferentes a altas temperaturas para criar um efeito único. Além de ser muito utilizada para reciclar vidros, confere diversas texturas e relevos nas peças.

Este tipo de vidro é bastante procurado por arquitetos e designers por conta de seu estilo inigualável.

Vidro acidato

É muito parecido com o vidro jateado. Assim como o primeiro, é fosco e opaco na aparência. Porém, o vidro acidato tem estética mais uniforme por toda a peça apresentar uniformidade, chegando a parecer um veludo em seu efeito.

Também é mais resistente. Aguenta melhor manchas de gordura ou óleo, sendo muito melhor para a manutenção. Apesar da visibilidade limitada por conta de sua textura, é muito bom para iluminar ambientes e pode ser encontrado tanto temperado como laminado.

Vidro craquelado

É considerado o vidro de efeito mais bonito de todos. O vidro craquelado possui uma camada de vidro temperado, duas camadas externas de vidro comum e duas lâminas de resina. É a camada interna de vidro temperado que dá o visual da peça.

A iluminação do ambiente fica incrível. Além de ser utilizado em tijolos de vidro, este modelo pode ser utilizado em escadas, paredes, utensílios de cozinha e até armários, se tornando uma das peças mais versáteis existentes no mercado atualmente.

Tipos de vidros mais procurados

piso de vidro

De acordo com o que você leu até agora, o vidro é um material extremamente versátil. É exatamente por isso que existe toda uma tecnologia especializada em inserir no mercado os mais diversos tipos de vidro, para todo tipo de uso que se dá a esse material.

Todos os modelos têm características únicas, o que direciona cada um para uma finalidade específica. Tendo em vista esse fato, é importante que você saiba não apenas os modelos existentes, mas o que diferencia cada um. Com estas informações, você conseguirá fazer um planejamento melhor, instalações mais adequadas a cada ambiente e ainda vai economizar em manutenções.

Confira agora mais opções disponíveis para você no mercado!

Vidro Float

Provavelmente é o tipo mais barato de todos. O processo de fabricação do vidro float é considerado o mais simples, portanto, diminui bastante os custos ao consumidor final. Pode ser encontrado em modelo transparente, bem como esverdeado e fumê.

Também é necessário cuidado com este modelo, já que é o menos resistente de todos os tipos de vidro. Ele quebra com relativa facilidade e não aguenta altas temperaturas. Caso decida por este modelo, escolha um ambiente de menos circulação e é necessário cuidado extra para que não ocorra um acidente.

Vidro laminado

O vidro laminado é um dos mais seguros atualmente. Tão seguro que, apesar de possuir versatilidade para ser usado em diversos ambientes, algumas normas recomendam este tipo específico de vidro em determinados ambientes.

O vidro laminado é composto por camadas de vidros intercalados com camadas de poliuretano, EVA ou resinas (como um sanduíche). São encontrados no mercado curvos ou plano. Podem ser utilizados em pisos, escadas, guarda-corpos, piscinas, coberturas, box de vidro, divisórias, portas e fachadas.

Vidro temperado

Como você deve saber, este é um vidro de segurança. Combinado com o vidro laminado, adquire uma resistência enorme, sendo cinco vezes mais resistente do que um vidro laminado comum. É também capaz de bloquear até 99,6% da radiação ultravioleta.

O vidro temperado é muito utilizado em ambientes que exigem maior privacidade, como quarto ou banheiros, por conferir um isolamento acústico muito maior que os outros modelos de vidro já mencionados. É geralmente utilizado também em guarda-corpos, claraboias, aquários e fachadas de vidro.

Vidro espelho

Já viu por aí ou ouviu falar desse tipo de vidro? É também formado por várias camadas de vidros diferentes, sendo a primeira lâmina de vidro, a segunda prata e a terceira tinta. É a camada prata que confere o efeito espelhado a esta peça.

Pode ser encontrado simples, de segurança resinado, curvo, plano, laminado e até coloridos. Arquitetos gostam desse material para compor também a decoração e academias, hotéis elevadores e até estabelecimentos comerciais. Além disso, pode ser utilizado em móveis, portas tetos, banheiros e molduras.

Tipos de vidros de segurança

vidro de segurança

Você observou até agora que a utilização do vidro na composição dos ambientes dá a estéticas e benefícios práticos, que facilitam bastante a rotina no dia a dia. E você também concorda que a segurança é item primordial em um ambiente, seja de um lar ou estabelecimento comercial. Pensando nestes dois pontos, existe um segmento de mercado que vem ganhando cada vez mais visibilidade: os vidros de segurança.

Este tipo de vidro também é utilizado em tijolos, além de placas e espelhos. Apesar do nome, também dá leveza, iluminação, praticidade e transparência aos ambientes. Aliás, além destes fatores, o vidro de segurança fornece uma proteção adicional contra quedas e acidentes, fazendo deste tipo de vidro um dos mais requisitados no mercado.

Sabia que, assim como os tipos de vidro mostrados anteriormente, o vidro de segurança também é encontrado em variadas formas? Veja agora os tipos mais comuns e escolha o que melhor combina com seu projeto!

Vidro antivandalismo

Apesar de existir há bastante tempo, ainda é desconhecido da maioria das pessoas. O vidro antivandalismo resiste a golpes de pedras e marretas, entre outros. Só perde em resistência para o vidro blindado. Também é composto por camadas de vidro intercaladas, sendo a primeira de vidro temperado, a segunda de polivinil butiral (PVB) ou resina, e a terceira de vidro temperado novamente.

É altamente recomendado para lojas de luxo, como joalherias, bem como casas de câmbio, hospitais psiquiátricos, relojoarias e casas de armas, entre outros.

Vidro antifogo

Conforme o próprio nome define, é muito resistente a altas temperaturas. Aliás, não protege apenas contra incêndios – sua proteção se estende a gases e fumaça também. Também é composto por camadas, mas a camada do meio é preenchida com material químico transparente – o gel intumescente – que confere a proteção anti-incêndio.

Em uma emergência, no instante que o vidro recebe o calor proveniente do fogo e a temperatura fica alta, acontece um processo chamado intumescência. O gel no interior do vidro é ativado pela temperatura e absorve a radiação térmica, controlando a temperatura para quem está na face oposta ao fogo e à barreira vitral. Legal, não é?

É extremamente utilizado em hospitais, escolas, caixas de escada, rotas de fuga e fachadas de prédios.

Vidro blindado

Este provavelmente você conhece por ser muito utilizado principalmente em veículos. O vidro blindado é resistente a ponto de proteger o ambiente de disparos efetuados por uma arma de fogo. Também possui diversas camadas em sua composição, sendo as medianas de materiais como PVB, resina, poliuretano e lâminas de policarbonato, todas juntas. São estas camadas que dão a alta resistência deste tipo de vidro.

Além de automóveis, o vidro blindado é utilizado em veículos de transportes de valores, guaritas, bancos e residências.

Vidro aramado

É um tipo de vidro de segurança impresso. O vidro aramado, em seu processo de fabricação, ganha uma rede metálica de malha no meio da peça. Esta rede segura a maior parte dos estilhaços em caso de quebra, reduzindo ferimentos e diminuindo os gastos posteriores com a manutenção do ambiente.

Também pode ser utilizado em fachadas, coberturas, peitoris, balcões, móveis e divisórias.

Tipos de vidros sustentáveis

vidro embaçado

A preocupação com o meio ambiente, e o impacto causado a este através do consumo, tem sido uma grande fonte de discussão em toda a sociedade atualmente. E cada vez mais pessoas e empresas estão aderindo à causa ambiental proporcionando no mercado produtos de qualidade sustentáveis e recicláveis.

E é claro que na construção civil não seria diferente. No ramo da vidraçaria, cada vez mais fábricas estão desenvolvendo técnicas de reaproveitamento de vidro que proporcionam o surgimento de peças cada vez mais bonitas, sem comprometer todos os outros quesitos importantes que inclusive você viu no decorrer desse artigo.

Veja agora alguns dos tipos de vidros sustentáveis disponíveis para você no mercado, e considere utilizar esta opção em seu projeto!

Vidro insulado

É bem provável que você já tenha visto esse tipo de vidro, Aliás, ele é bastante utilizado na fabricação de tijolos de vidro. É composto por duas camadas, sendo uma laminada. O que diferencia este modelo é que as camadas não são fundidas entre si, mas é deixado um espaço com ar ou até algum outro gás. É este modelo único que diferencia o vidro insulado dos demais tipos vistos até agora.

O vidro insulado tem como principal característica o isolamento térmico e acústico do cômodo em questão. É principalmente indicado para estabelecimentos localizados em regiões de clima frio, pois conserva a temperatura interna sem alterar em nada a luminosidade natural do local.

Vidro refletivo

O vidro refletivo, também conhecido como vidro espelhado, é um material desenvolvido com tecnologia para garantir o controle da intensidade da luz solar e conforto térmico para o ambiente interno. Ele pode ser usado em fachadas de casas e prédios, portas, janelas e móveis.

O vidro refletivo também pode ser encontrado em quatro tipos: laminado, insulado, serigrafado e temperado. A característica que o diferencia é a capacidade de reflexão, compondo uma estética natural e diferenciada.

Vidro duplo

O vidro duplo é um dos tipos de vidro insulado, e é a melhor opção quando o objetivo é isolamento acústico. Também é eficiente no aproveitamento de toda a luz natural e para impedir a transferência do calor, trazendo, além de conforto sonoro, isolamento térmico. O vidro insulado ou vidro duplo pode apresentar reduções da ordem de 50 decibéis, ou seja, comparado a uma janela com um vidro de 4mm, pode ser mais de 65% eficiente.

Vidro antirreflexo

É extremamente utilizado por artistas principalmente em quadros. Para você entender: um quadro com vidro comum permite a criação de reflexos, o que lhe impede de ver a obra com 100% de nitidez. Concorda que, dependendo do local, você nem vê a arte do quadro e sim as imagens refletidas nele? Com o vidro antirreflexo isto não acontece.

A única desvantagem deste tipo de vidro é que ele tem uma fina camada fosca, mas isso não impede em nada a estética do ambiente.

Vidro foto energético

Eis uma preocupação de todo cidadão brasileiro: a economia de energia. Saiba que o mercado, pensando nesta necessidade cada vez mais urgente e aliando a mesma à construção civil, disponibiliza o vidro foto energético (também conhecido como fotovoltaico).

Esse modelo é constituído por lâminas de células fotovoltaicas fabricadas com silício, que é um elemento químico semicondutor. Esse material é instalado em vidros comuns, laminados ou duplos, que absorvem a radiação solar e a transformam em energia. A energia é reservada em baterias, e acaba diminuindo os custos energéticos da edificação.

Caso tenha curiosidade de pesquisar, existe um prédio inteiro que foi feito utilizando o vidro foto energético. Se chama Water Building Resort, em Dubai, e é o pioneiro em empregar este material em toda a construção. A universidade de Oxford desenvolveu um modelo bem mais barato, e a expectativa é que estes tijolos de vidro se tornem disponíveis no mercado brasileiro nos próximos meses.

Vidro autolimpante

O mais sustentável de todos os modelos, o vidro autolimpante é cada vez mais procurado para compor fachadas de edifícios. A dificuldade de realizar manutenção nos vidros das fachadas sempre foi um problema, tendo em vista a complexidade do acesso aos locais. Além disso, é preciso retirar as manchas que aparece no vidro devido à química da água e dos produtos de limpeza utilizado no processo.

Em um vidro autolimpante a água escorre por completo e se espalha por toda a sua superfície, impedindo a formação de gotículas de água, o acúmulo da sujeira e, consequentemente, as manchinhas no vidro. Por isso, é recomendado para locais com altos índices de poluição, como os próximos a aeroportos ou indústrias.

Com as dicas saiba qual tipo de vidro usar em sua casa!

janela de vidro

Gostou das dicas que lhe apresentamos nesse artigo? Conforme vimos, o vidro é praticamente elemento essencial em qualquer ambiente. É versátil, prático, acessível e facilita bastante a rotina de todos.

O tijolo de vidro, especificamente, havia caído em desuso na construção civil. Porém, voltou a ser bastante utilizado na arquitetura. Suas características técnicas fazem dele um elemento construtivo muito vantajoso. Além de permitir a entrada de luz natural, ele garante privacidade. E, como você viu no artigo, existem os mais variados modelos disponíveis no mercado.

Para além dos tijolos de vidro, existem diversos outros tipos que podem ser utilizados em uma residência ou ambiente comercial. Leve em consideração não somente valores, mas características do cômodo onde você pretende fazer a instalação, a questão das manutenções periódicas, o conforto em si do local e a estética.

Esperamos que você tenha gostado das dicas em relação aos tipos de vidro existentes. Se quiser mais informações a respeito de ambientação e materiais próprios para tais, não deixe de conferir as outras matérias em nosso Portal!

Autor deste artigo

Existindo, sonhando, explorando, descobrindo - vivendo!

Últimos posts


Os 16 Melhores Presentes para Amigo Secreto de 2022: Mochila, livros e muito mais!

Os 16 Melhores Presentes para Amigo Secreto de 2022: Mochila, livros e muito mais!

Quer surpreender com o melhor presente para amigo secreto? Veja neste artigo dicas de como escolher o ideal e um ranking com as 16 melhores opções do mercado!


As 10 Melhores Máquinas de Estampar Camisetas de 2022: Pelegrin, Sun Special e muito mais!

As 10 Melhores Máquinas de Estampar Camisetas de 2022: Pelegrin, Sun Special e muito mais!

Em dúvida sobre qual é a melhor máquina de estampar camisetas? Veja dicas de como escolher a máquina ideal e uma seleção com os 10 melhores modelos de 2022!


Os 10 Melhores Fones com Cancelamento de Ruído: Soundcore, JBL e mais!

Os 10 Melhores Fones com Cancelamento de Ruído: Soundcore, JBL e mais!

Procurando um fone com cancelamento de ruído? Confira nosso artigo com as melhores dicas de como escolher o seu e os 10 melhores modelos disponíveis!


Os 10 iPhones com Melhores Câmeras em 2022: iPhone 13 Pro, iPhone SE e mais!

Os 10 iPhones com Melhores Câmeras em 2022: iPhone 13 Pro, iPhone SE e mais!

Quer a qualidade Apple para registrar momentos incríveis? Neste artigo, apresentamos os 10 iPhones com melhores câmeras em 2022, como escolher e onde comprar!


Os 20 Melhores Notebooks de 2022: Samsung, Dell e mais!

Os 20 Melhores Notebooks de 2022: Samsung, Dell e mais!

Em dúvida sobre qual é o notebook ideal para o que você precisa? Veja os 20 melhores modelos de 2022 e dicas de como escolher a opção mais adequada ao seu uso!


Palavras do momento

Palavras-chave do momento no PortalVidaLivre


Perfume Alimentação Saúde sexual Treinos Sapatos